segunda-feira, 10 de agosto de 2015

Transex 'crucificada' na Parada Gay foi esfaqueada em SP.

Transex 'crucificada' na Parada Gay denuncia agressão em SP


(Reprodução/Flickr) 
(Reprodução/Flickr)

A atriz transexual Viviany Beleboni, que chamou atenção pela performance de crucificação na Parada do Orgulho LGBT deste ano, sofreu uma agressão na noite do último sábado (8) e tornou o caso público em sua página do Facebook.

Ela disse ter sido abordada nas proximidades de sua casa, onde foi agredida com socos e cortada com um canivete por um homem dizendo que ela era 'um demônio' e não era de Deus.

Desde a performance realizada este ano, Viviany já havia recebido diversas ameaças via redes sociais e mensagens telefônicas.

O ataque criminoso contra a transex não foi reportado à polícia, já que ela diz ser ainda pior levar um fato como este à delegacia para ser 'tratada como homem'.

Nenhum comentário:

Postar um comentário