sexta-feira, 3 de julho de 2015

Adolescente ingeriu 1.5 metro de cabelo.

Bolo de cabelo de 1.5 metros encontrado dentro de menina adolescente

 
Yahoo Vida
 
image
O bolo de cabelo estava dentro de seus intestinos. (Imagem via Shutterstock)


Chama-se a Síndrome de Rapunzel, mas não é nenhum conto de fadas. Em termos leigos, é uma densa massa de cabelo, que se estende do estômago até ao intestino delgado, ou até mesmo ao intestino grosso.
Como o io9 explicou em 2013, o cabelo é feito de queratina, uma substância tão resistente que o corpo humano não a consegue decompor – nem sequer mover para fora do sistema digestivo, provavelmente porque “é muito escorregadio para se enrolar e sair junto com o restante do conteúdo do estômago.“
O tamanho que um desses bolos de cabelo, chamados de tricobezoar, pode chegar, ficou claro depois da remoção feita em uma menina de 15 anos de idade, na Índia: o bolo media mais de 1.5 metros de comprimento! O jornal Mirror compartilha a história de forma muito explícita de Kavita Kumari, uma adolescente cuja compulsão por comer fios de cabelo era tão severa, que ela alegadamente comia não só o seu próprio cabelo, mas também o cabelo de suas colegas da escola.
Quando a menina começou a sofrer com um estômago protuberante e dor severa, os seus pais começaram a levá-la aos médicos, e por fim, a um hospital em Uttar Pradesh. Lá, uma tomografia revelou a massa de cabelo, assim como uma lesão de tamanho considerável. “A condição dela era tão séria que eu disse aos seus pais que ela poderia não sobreviver a cirurgia,” conta o Dr. Lal Bahadur Sidharth, que descreveu a menina como “tão fraca que mal conseguia andar”. Mas Kavita conseguiu sobreviver a cirurgia de duas horas, e o Mirror relata que ela deverá ser capaz de voltar a se alimentar novamente em breve, o que ela aparentemente já não era mais capaz de fazer.
Um estudo de 2009, publicado na revista Clinical Medicine &Research, descobriu que “tricobezoar com síndrome de Rapunzel é um diagnóstico incomum em crianças, com menos de 40 casos registrados.” Uma massa de cabelo de mais de 4 quilos foi removida de um pacienteno ano passado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário