sexta-feira, 26 de junho de 2015

Primeiro surto de ebola seria mais antigo até que Jesus Cristo.

Primeiro surto de ebola seria mais antigo até que Jesus Cristo

Reprodução 
Reprodução

 
Um dos males que mais assusta a humanidade nos últimos tempos, o ebola pode ser bem mais velho do que imaginamos. Mais velho até que Jesus Cristo. Segundo pesquisas, a primeira manifestação brutal do vírus teria ocorrido em Atenas, na Grécia, cerca de 2400 anos atrás.

A teoria é de Powel Kazanji, professor de doenças infecciosas, e contradiz o fato de que o primeiro surto de ebola teria ocorrido apenas em 1976, no Congo. As pesquisas feitas por ele indicam que o vírus teria infectado ancestrais dos roedores há pelo menos 20 milhões de anos e teria explodido em humanos há mais de dois milênios.

Pesquisador na Universidade de Michigan, nos EUA, Kazanji especula que o ebola tenha sido responsável por devastar Atenas em uma praga que durou cinco anos. Até hoje, a epidemia em questão era conhecida como síndrome de Tucídides pelos historiadores.

Acontece que, segundo o professor, os sintomas desta síndrome e do ebola são exatamente os mesmos: febre, fraqueza intensa, dores musculares, dores de cabeça e garganta e, depois, vômitos, diarreia, coceira, hemorragias internas e externas e, finalmente, morte.

Nenhum comentário:

Postar um comentário