quarta-feira, 11 de fevereiro de 2015

Lucro do Banco do Brasil cai 28,6% em 2014.

Lucro do Banco do Brasil cai 28,6% em 2014

Ganhos somaram R$ 11,246 bilhões, contra R$ 15,75 bilhões em 2013.
No trimestre, lucro do banco atingiu R$ 3 bilhões, segundo balanço.

 
Do G1

Homem em frente filial do Banco do Brasil no Rio de Janeiro.  (Foto: REUTERS/Pilar Olivares) 
Homem em frente filial do Banco do Brasil no Rio de Janeiro. 
(Foto: REUTERS/Pilar Olivares)


O Banco do Brasil anunciou na manhã desta quarta-feira (11) ter registrado lucro líquido de R$ 3,025 bilhões no quarto trimestre de 2014, uma alta de 6,4% em relação aos três meses anteriores. Já em relação ao mesmo período de 2013, foi registrada queda de 2,2%.
No ano, o lucro do banco caiu 28,6%, para R$ 11,246 bilhões. Em 2013, ganhos haviam somado quase R$ 15,8 bilhões.
A carteira de crédito ampliada da instituição financeira somou R$ 760,9 bilhões em dezembro. O crescimento é de 9,8% em 12 meses e de 3,8% em relação ao trimestre anterior. O balanço do banco destaca o financiamento imobiliário e o crédito ao agronegócio, que registraram aumento de 59,1% e 13,9% em 12 meses, respectivamente.
No período, o banco diz ter mantido liderança em crédito no Sistema Financeiro Nacional (SFN), com 21% de participação de mercado.
O indicador que mede a inadimplência nas operações com atraso superior a 90 dias encerrou o período em 2,0%, contra 2,9% do sistema.


Mudanças no comando

O Conselho de Administração do Banco do Brasil elegeu na véspera os novos vice-presidentes de Gestão Financeira e Negócios de Varejo.
A mudança ocorre em meio a ida de Aldemir Bendine (ex-presidente do BB) para o comando da Petrobras. Ivan de Souza Monteiro, ex-vice-presidente de Gestão Financeira e de Relações com Investidores do BB, também renunciou ao cargo para acompanhar Bendine.
José Maurício Pereira Coelho, funcionário de carreira com 27 anos no banco, será o vice-presidente de Gestão Financeira e Relações com Investidores. Ele ocupava o cargo de diretor de Finanças anteriormente.
Raul Francisco Moreira, também funcionário de carreira com 27 anos de empresa, ocupava o cargo de diretor de Cartões e será vice-presidente de Negócios de Varejo.
Na sexta-feira (6), o então vice-presidente de Negócios de Varejo do Banco do Brasil, Alexandre Corrêa Abreu foi anunciado como o novo presidente do banco.
Segundo o BB, os dois novos vice-presidentes foram eleitos para completarem o mandato 2013/2016.

Nenhum comentário:

Postar um comentário