sábado, 3 de janeiro de 2015

Emirados Árabes querem comprar Super Tucanos do Brasil.

Emirados Árabes querem comprar 24 Super Tucanos brasileiros

Informação foi confirmado pelo comandante da Aeronáutica, Juniti Saito

 

Avião Super Tucano
Aviões Super Tucano (Divulgação/Embraer/VEJA)


O comandante da Aeronáutica brasileira, brigadeiro Juniti Saito, informou que os Emirados Árabes Unidos querem comprar 24 aviões turboélice Super Tucano, fabricados pela Embraer. Saito não informou o valor da operação, mas revelou que entre as discussões está a antecipação de entrega de seis aeronaves aos Emirados. As unidades seriam disponibilizadas pela Força Aérea Brasileira (FAB).
"As conversas estão avançadas e eles querem seis aviões de imediato. Mas estamos discutindo juridicamente como seria a forma de cessão, se empréstimo, leasing, ou qual a forma legal para isso", disse o comandante. Além dos Emirados Árabes, o Senegal também está interessado nos Super Tucanos brasileiros, de acordo com o comandante.

O brigadeiro Juniti Saito informou ainda que em meados de janeiro uma equipe técnica dos Emirados Árabes virá ao Brasil para dar prosseguimento às negociações com a Embraer. Hoje a FAB tem pouco mais de 90 Super Tucanos, sendo dez deles destinados à Esquadrilha da Fumaça. "Não haveria problema em ceder seis aviões para eles", comentou o brigadeiro, ao explicar que as questões logísticas estão em discussão.
Embora o brigadeiro não tenha falado em valores, um negócio desses não sairia por menos de 400 milhões de dólares (mais de 1 bilhão de reais), já que a unidade de um Super Tucano, sem os suprimentos que costumam acompanhar o pacote, custa algo em torno de 15 milhões de dólares (40,5 milhões de reais).
(Com Estadão Conteúdo)

Nenhum comentário:

Postar um comentário