sexta-feira, 19 de dezembro de 2014

Em dia de 'fúria', menor fere 5 a facadas no interior de MG e é morto por policial.

PM que matou menor em 'ataque de fúria' em MG se defendeu, diz capitão

Adolescente feriu 5 pessoas com faca, inclusive o sargento que revidou.
Policial permanece preso em Patos de Minas; Civil também está no caso.

 
Tulio Calegari e Fernanda Resende  
Do G1 


O policial militar que disparou contra o adolescente de 17 anos após um ataque de fúria em Patos de Minas na noite desta quinta-feira (18), agiu em legítima defesa, segundo o capitão Marcus Fabian Figueiredo Dias. Ele permanece preso e a Polícia Civil também está no caso.
O menor, que tinha várias passagens, foi morto depois de roubar veículos e esfaquear várias vítimas. De acordo com a Polícia Militar (PM), o indivíduo usou uma faca e feriu cinco pessoas, inclusive o sargento da polícia, que revidou e atirou contra ele. As vítimas foram socorridas para o Hospital Regional Antônio Dia e o corpo do adolescente foi levado para o IML.

jovem morte patos de minas (Foto: Aislan Henrique/Arquivo Pessoal)Adolescente foi morto após atacar várias pessoas
(Foto: Aislan Henrique/Arquivo Pessoal)

Sobre a prisão do militar, o capitão Marcus Fabian informou que nesse tipo de caso ela é feita para resguardar o próprio policial e evitar que impute sobre ele uma culpa não existente. “Foi feito um auto de prisão em flagrante e o policial agora aguarda o recebimento do alvará de soltura, que é emitido pelo juiz. Nesta manhã ouvimos as testemunhas e confirmamos que ele agiu em legítima defesa”, disse.
O capitão afirmou que logo que o policial for liberado ele receberá assistência e atendimento psicológico para ter condições de retomar o trabalho. Atualmente o militar está na condição de preso dentro do Batalhão da Polícia Militar.


Investigação

Segundo o delegado Miller Lima, a Polícia Civil já oficializou o Ministério Público e o Judiciário do caso. Já quanto à investigação que cai sobre o militar se teria agido ou não em legítima defesa, o delegado disse que as apurações estão sendo feitas pela Polícia Militar e a Civil está à disposição.
Com relação ao menor morto e as averiguações sobre possíveis motivações, Miller Lima disse que o caso está a cargo da Delegacia de Menores.
O G1 tentou contato com a delegada responsável pelo caso, mas até as 16h não havia conseguido falar com ela.


Relembre o caso

Um adolescente de 17 anos foi morto depois de tido um ataque de fúria, roubar veículos e esfaquear várias vítimas, entre elas um militar, na noite desta quinta-feira (19), em Patos de Minas. De acordo com a PM, o suspeito usou uma faca e feriu cinco pessoas, inclusive um sargento da polícia, que revidou e atirou contra ele.
A ação aconteceu em diversos pontos da cidade. Segundo os militares, testemunhas relataram que a primeira vítima do adolescente foi um homem de 50 anos, morador de uma casa na Rua João Messias Marques, no Bairro Sobradinho. O homem foi perseguido pelo suspeito, que o golpeou e saiu correndo para a rua. Nesse momento, ele abordou um motociclista, roubou a moto e fugiu para o Centro da cidade.
jovem morte patos de minas (Foto: Aislan Henrique/Arquivo Pessoal)Suspeito usou moto para chegar ao Centro
(Foto: Aislan Henrique/Arquivo Pessoal)

Em seguida, o adolescente dirigiu até o cruzamento da Rua Petúnias com a Rua Hugo José de Souza, quando colidiu com dois veículos. O rapaz, então, abandonou a motocicleta, rendeu a motorista de um dos carros, de 45 anos, e a golpeou na boca. Após o ato, ele roubou o veículo da mulher e fugiu novamente.
De acordo com os militares, durante o percurso, o suspeito atingiu um motociclista de 21 anos. A vítima sofreu escoriações por causa da batida. Ainda durante a ação, o veículo em que o adolescente estava parou de funcionar. Diante do ocorrido, o suspeito abordou um segundo carro e esfaqueou os dois passageiros - uma mulher de 49, que foi atingida no braço e um jovem de 25 anos, atingido na perna. Depois, fugiu novamente.
Um carro da PM, que estava no cruzamento da Avenida Fátima Porto com a Avenida Brasil, visualizou o suspeito, que seguiu em direção à viatura. Nesse momento, ele desceu do carro e tentou golpear um soldado, que atirou. Mesmo ferido, o adolescente conseguiu esfaquear um sargento na cabeça. Nesse momento, o militar efetuou mais dois disparos contra o criminoso.

jovem morte patos de minas (Foto: Aislan Henrique/Arquivo Pessoal)Adolescente também causou acidente durante fuga (Foto: Aislan Henrique/Arquivo Pessoal)

Segundo a polícia, o adolescente foi socorrido e encaminhado ao Hospital Regional Antônio Dias, mas não resistiu aos ferimentos e morreu. O corpo foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML).
Já as cinco vítimas foram levadas para o Hospital Regional Antônio Dias. Delas, três já foram liberadas – o sargento, o homem de 50 anos e o jovem de 25 anos atingido na perna. Outras duas vítimas, as mulheres de 45 e 49 anos, permaneciam internadas, mas em estado estável. O G1 tentou contato com o hospital nesta tarde, mas a responsável pela comunicação não estava no local para dar informações se mais agum paciente teve alta até as 16h. 
Ainda segundo a PM, o adolescente era natural de Buritizeiro, no Norte de Minas, e tinha oito passagens pela polícia por dano, lesão corporal, uso de drogas, posse de arma de fogo e furto. 
Segundo a polícia, além das cinco vítimas das facadas, mais seis pessoas tiveram ferimentos leves decorrentes das outras infrações cometidas pelo menor.

Nenhum comentário:

Postar um comentário