quinta-feira, 6 de novembro de 2014

Protesto contra o capitalismo termina com ativistas detidos em Londres.

Protesto contra o capitalismo termina com ativistas detidos em Londres

Segundo a polícia, 5 manifestantes são suspeitos de agredir policiais.
Ativistas tentaram invadir a rede BBC, mas foram impedidos pelos agentes.

 
Da France Presse

 Ativista com máscara tradicional do grupo Anonymous durante protesto em Londres nesta quarta-feira (5) (Foto: Paul Hackett/Reuters) 
Ativista com máscara tradicional do grupo Anonymous durante protesto em Londres nesta quarta-feira (5) (Foto: Paul Hackett/Reuters)


Confrontos entre a polícia e milhares de manifestantes anticapitalismo foram registrados nesta quarta-feira (5), no centro de Londres e nos arredores do Palácio de Buckingham, depois de uma passeata na direção do Parlamento. Cinco ativistas foram detidos, suspeitos de lançar rojões e de agredir policiais, informou a polícia londrina.
Os manifestantes faziam parte da Marcha Milhões de Máscaras, organizada em várias cidades do mundo pelo grupo Anonymous. Os ativistas jogaram cones de trânsito, garrafas e placas de rua na polícia e destruíram barricadas metálicas. Alguns usaram rojões no confronto com os agentes.
A manifestação aconteceu no dia de Guy Fawkes, em lembrança ao rebelde católico que queria explodir o Parlamento do rei James I, em 1605. A maioria usava a máscara branca que se tornou o símbolo do grupo Anonymous.
Os manifestantes também tentaram invadir o prédio da rede BBC, mas foram impedidos pela polícia na entrada. "Uma solução, a revolução", gritava a multidão. As lojas fecharam as portas, durante a marcha, que percorreu o bairro comercial do centro de Londres. No caminho, lixeiras foram viradas, e o vidro um carro, quebrado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário