segunda-feira, 3 de novembro de 2014

Jovens invadem casa de contador em Carmo da Mata, MG, e três são detidos.

Jovens invadem casa em Carmo
da Mata e três são detidos

Grupo pulou um muro, danificou câmeras e revirou cômodos.
Chegada inesperada da polícia assustou o bando, que fugiu às pressas.

 
Do G1 

Jovens apreendidos em Carmo da Mata são suspeitos do crime (Foto: TV Integração/Reprodução)Jovens apreendidos em Carmo da Mata são
suspeitos (Foto: TV Integração/Reprodução)

Quatro homens são suspeitos de assaltar uma casa nesta segunda-feira (3) em Carmo da Mata. Um deles foi preso no início da noite, em Divinópolis. Outros dois jovens foram detidos na cidade onde o crime ocorreu e serão encaminhados para o presídio de Oliveira. O quarto e último integrante do bando ainda é procurado.
Segundo a PM, os ladrões pularam o muro, cortaram os fios da câmera de segurança, quebraram a janela, entraram e reviraram a casa. Eles foram vistos quando se preparavam para tirar uma moto pelo portão do quintal. A polícia estava perto e chegou rápido. "Era realizado um patrulhamento preventivo pelo bairro quando a guarnição se deparou com uma caminhonete em atitude suspeita", explicou o capitão Rodrigo Afonso.

Portão da garagem foi derrubado por um dos invasores (Foto: TV Integração/Reprodução)Portão da garagem foi derrubado por um dos
invasores (Foto: TV Integração/Reprodução)

Quando viu a viatura se aproximando, o motorista que dava apoio aos criminosos pelo lado de fora fugiu. Os ladrões que estavam dentro da casa desistiram de levar a moto. Um deles pegou um carro que estava na garagem, derrubou o portão e  escapou.
Na fuga, dois ladrões foram deixados para trás. Eles também tentaram fugir pulando muros e telhados das casas vizinhas, mas foram detidos por policiais. Os jovens, de 20 e 21 anos, já foram presos por receptação, furto e porte ilegal de arma.

 
Investigação

De acordo com o delegado Douglas Castro, o grupo será autuado em flagrante por arrombamento. "Quanto a outros delitos, vamos analisar com mais calma e, posteriormente, na conclusão do inquérito, isso poderá ser lançado no relatório", detalhou.
É a segunda vez que ladrões entram na mesma casa na hora do almoço. "Parece que essa quadrilha se aproveita do fato de que os moradores trabalham fora o dia todo. Eles chegam, tocam a campanhia e, vendo que ninguém os atende, realizam o crime", explicou o delegado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário