sábado, 8 de novembro de 2014

Equipes detonam Interlagos: 'A favela da Fórmula 1'.

Equipes detonam Interlagos: 'A favela da Fórmula 1'

Funcionários das escuderias criticam falta de estrutura e apontam GP do Brasil como um dos piores do circuito. Organização promete reforma geral em 2015

 
Luiz Felipe Castro
 
Trabalho atrás dos boxes de Interlagos
Trabalho atrás dos boxes de Interlagos (Ivan Pacheco/VEJA.com)

 

Agenda da F1 em SP

Sábado, dia 8
11h-12h00: Terceiro treino livre
14 horas: Treino de classificação
 
Domingo, dia 9
14 horas: Largada da corrida

O circuito de Interlagos, em São Paulo, passou por uma extensa reforma para a 33ª edição do GP do Brasil de Fórmula 1, que acontece neste domingo. Nos últimos meses, foi feito o recapeamento total da pista, além da criação de uma nova área de escape na saída do S do Senna e do aumento da entrada dos boxes, entre outras alterações. As mudanças, definidas pelo prefeito Fernando Haddad como “a maior reforma desde 1990”, podem ter agradado os pilotos, mas a vida para quem trabalha fora dos carros ainda está dificil. “Honestamente, Interlagos é uma porcaria. É a favela da Fórmula 1”, disse um funcionário da Williams que cuida de uma série de equipamentos. Ele pediu para não ser identificado e fez questão de dizer que não fala em nome da equipe. “É o pior circuito de todos. O paddock é extremamente pequeno, não há condições de trabalhar. Até a nossa cozinha tem problemas. É muito cansativo. Meu desejo é que tudo isso acabe logo e eu volte para casa", completou. De acordo com a organização do GP, estas reclamações serão atendidas no ano que vem.

Funcionários de outras equipes também reclamaram, mas com menos veemência, e assinalaram que Interlagos tem muito a melhorar. “A estrutura aqui é muito pequena. No quesito instalações, o GP do Brasil é um dos piores”, revelou uma funcionária da Ferrari. Um empregado da Red Bull disse que a maior dificuldade está na montagem e  desmontagem da estrutura das equipes em um espaço tão reduzido.

Nenhum comentário:

Postar um comentário