sexta-feira, 17 de outubro de 2014

Óculos escuros não são vaidade, mas glaucoma, diz Bono Vox.

Bono Vox: óculos escuros não são vaidade, mas glaucoma


O cantor Bono Vox, do U2, em vídeo caseiro divulgado pela banda

O cantor Bono Vox, do U2, em vídeo caseiro divulgado pela banda - Reprodução/VEJA


Quem já fez alguma crítica ou piadinha com o fato de o cantor Bono Vox, líder do U2, viver de óculos escuros, vai engolir em seco. Em entrevista à rede britânica BBC que será exibida na noite desta sexta-feira, o irlandês conta que o adereço nada tem a ver com vaidade. Bono sofre de glaucoma, mal que comprime as fibras do nervo óptico e da retina e pode provocar a perda da visão, e usa óculos para se proteger da luz, já que os olhos ficam mais sensíveis por causa da doença. 


A perda da visão, no entanto, não parece ser problema para o cantor. "Recebo um bom tratamento e está tudo bem", disse Bono, que foi ao programa de entrevistas Graham Norton Show promover o novo álbum do U2, Songs of Innocence, lançado em formato físico no último dia 10 de outubro. O cantor também contou sofrer da doença já há 20 anos e não tirar os óculos nem em lugares fechados.

Bono, que esta semana se desculpou por invadir os celulares de usuários do iTunes com o novo disco do U2, na BBC fez piada da questão. "Queríamos fazer algo inovador, mas parece que algumas pessoas não acreditam mais em Papai Noel", disse, em meio a risadas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário