quinta-feira, 16 de outubro de 2014

Capela de 161 anos pega fogo e fica destruída em Itaúna, MG.

Capela de 161 anos pega fogo e fica destruída em Itaúna, MG

Diocese de Divinópolis informou que incêndio pode ser criminoso.
Bombeiros levaram três horas de trabalho para conter as chamas.

 
Bárbara Almeida  
Do G1

 
A capela do Senhor do Bonfim, de 161 anos, pegou fogo na madrugada desta quinta-feira (16) em Itaúna. Segundo o Corpo de Bombeiros, o local ficou destruído. O fogo começou por volta de 00h23 e foi necessário cerca de dez mil litros de água e três horas de trabalho para conter as chamas. A Diocese de Divinópolis, que é responsável pela capela, lamentou o fato e inforrmou que incêndio pode ser criminoso.
De acordo com o soldado do 5º Pelotão do Corpo de Bombeiros, Brum, eles foram acionados por moradores que viram as chamas no local. Quando os bombeiros chegaram, o teto da capela estava desabando. "Uma equipe com três pessoas trabalhou no combate. O teto, que era de madeira, desabou. Trabalhamos por cerca de três horas para apagar as chamas, mas não deu para salvar nada e a capela ficou destruída", declarou.

Capela do Senhor Bonfim incendiada em Itaúna (Foto: Helênio Lara/Rádio Santana) 
Perícia foi acionada para apurar as causas; local ficou destruído 
(Foto: Helênio Lara/Rádio Santana)
 
 
Ainda de acordo com Brum, não é possível saber, sem o trabalho pericial, se o incêndio foi criminoso, mas ele contou que quando chegou na capela a porta estava aberta. "A perícia técnica da Polícia Civil de Itaúna foi acionada e o local foi isolado. Só esse trabalho pode apontar se o incêndio foi criminoso" contou.

Capela do Senhor Bonfim incendiada em Itaúna (Foto: Helênio Lara/Rádio Santana)Estrutura caiu com as chamas
(Foto: Helênio Lara/Rádio Santana)

A Polícia Militar (PM) compareceu ao local, mas como as chamas não apresentavam riscos à população não foi feito Boletim de Ocorrência (BO). O G1 entrou em contato com a Diocese de Divinópolis que encaminhou uma nota informando que a capela do Senhor do Bonfim pertence à Paróquia de Nossa Senhora de Fátima. A diocese lamentou o ocorrido e informou que há indícios de incêndio criminoso, pois o Corpo de Bombeiros informou que quando chegaram ao local a porta da capela estava arrombada.
A reportagem entrou em contato com a paróquia, que informou que a capela não tinha vigia e que dentro do local não havia imagens de santo, apenas um crucifixo. Segundo a secretária paroquial, Edriele Melo, a capela ficava fechada e missas eram realizadas no local uma vez por mês. "Sentimos muito com o incêndio. É uma capela centenária e ficará uma saudade para os fiéis, pois em todas as sextas-feiras da paixão uma multidão fazia romaria da Igreja da Matriz, no Bairro Padre Eustáquio, até a capela. Era muito emocionante" comentou.

Capela do Senhor Bonfim em Itaúna (Foto: Prefeitura de Itaúna/ Divulgação)Capela foi construída por fazendeiro
(Foto: Prefeitura de Itaúna/ Divulgação)
 
 
História

A Capela do Senhor do Bonfim foi construída em 1853 e completou 161 anos em 2014. De acordo com a Prefeitura de Itaúna, ela foi erguida no antigo morro da Santa Cruz pelo fazendeiro, tenente José Ribeiro de Azambuja. Era local de peregrinação anual obrigatória da população do arraial e depois da cidade, no dia da Santa Cruz, 3 de maio.
O acesso à capela é pela MG-050, entre o trevo principal de Itaúna, e pelo que dá acesso a Pará de Minas. O local fica a aproximadamente 2,5 quilômetros do Centro da cidade, no morro do Bonfim, de onde vê todo o município.

Nenhum comentário:

Postar um comentário