quinta-feira, 2 de outubro de 2014

Ansiedade, ciúme e mau humor são fatores de risco para Alzheimer em mulheres.

Ansiedade, ciúme e mau humor são fatores de risco para Alzheimer em mulheres

De acordo com pesquisa de 40 anos, mulheres com essas características tiveram um risco duas vezes maior de desenvolver a demência

 

mulher brava
Cientistas não encontraram relação entre risco de demência e personalidade extrovertida ou introvertida (Thinkstock)


Mulheres ansiosas, ciumentas ou mal-humoradas na meia idade correm mais risco de desenvolver Alzheimer no futuro do que aquelas sem essas características. A conclusão é de um estudo que durou 40 anos e foi publicado nesta quarta-feira no periódico Neurology.

CONHEÇA A PESQUISA

Título original: Midlife personality and risk of Alzheimer disease and distress​

Onde foi divulgada: Neurology

Quem fez: Lena Johansson, Xinxin Guo, Paul R. Duberstein, Tore Hällström, Margda Waern, Svante Östling e Ingmar Skoog.

Instituição: Universidade de Gotemburgo, na Suécia.

Resultado: Mulheres na meia idade ciumentas, ansiosas e mal-humoradas podem ter até duas vezes mais risco de desenvolver Alzheimer
 
"A maioria das pesquisas de Alzheimer analisa fatores como escolaridade, risco cardíaco, trauma na cabeça, genética e histórico familiar", disse a líder da pesquisa, Lena Johannsson, da Universidade de Gotemburgo, na Suécia. "A personalidade também pode influenciar o risco de demência, porque afeta o comportamento, o estilo de vida e a reação ao stress."

Por 38 anos, os cientistas acompanharam 800 mulheres de, em média, 46 anos. Eles analisaram a personalidade das voluntárias por meio de testes de neuroticismo, introversão, extroversão e memória. Ao longo do estudo, dezenove participantes desenvolveram demência. O neuroticismo se refere à facilidade com uma pessoa se desestabiliza emocionalmente e a traços de personalidade como ansiedade, ciúme e mau humor. Pessoas que sofrem de neuroticismo são mais propensas a expressar raiva, culpa, inveja e depressão. 


Questionário 

Os pesquisadores também perguntaram às voluntárias se elas haviam tido períodos de stress com mais de mês de duração. Stress refere-se a sentimentos de irritabilidade, tensão, nervosismo, medo, ansiedade e distúrbios de sono. As respostas foram avaliadas de zero a cinco, sendo zero nenhum episódio e cinco stress constante nos últimos cinco anos. Mulheres que se enquadraram nas categorias três a cinco foram consideradas estressadas.
De acordo com os cientistas, não foi encontrada nenhuma relação entre o risco de demência e a personalidade introvertida ou extrovertida. No entanto, mulheres que eram ao mesmo tempo introvertidas e estressadas eram aquelas com maior probabilidade de desenvolver Alzheimer. Das 63 participantes com essas características, dezesseis (25%), tiveram Alzheimer, ante oito das 64 (13%) que eram extrovertidas e calmas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário