quarta-feira, 17 de setembro de 2014

Irmã defende Patrícia Poeta sobre saída do “Jornal Nacional”.

Irmã defende Patrícia Poeta sobre saída do “Jornal Nacional”

image
Paloma Poeta [à esquerda] defendeu a decisão da irmã, Patrícia Poeta 
(Reprodução/Instagram)


A saída de Patrícia Poeta, 37, da bancada do “Jornal Nacional” tem provocado muita polêmica na internet. Paloma Poeta, a irmã da jornalista, usou o seu perfil no Facebook para explicar o motivo da âncora resolver se dedicar a um novo projeto da área de entretenimento da Globo.
“Não sei ao certo como a gente aprende isso, mas, infelizmente, a gente aprende: a se acomodar. Passamos a vida inteira construindo a felicidade, esperando chegar ao momento/lugar ideal e nunca mais sair dele. E temos que querer o que os outros também querem, estar onde os outros gostariam de chegar. Somos mais de sete bilhões de pessoas e ainda acreditam que um sonho não pode ser diferente do outro”, escreveu ela.
Segundo o jornal “Extra”, Paloma também comentou sobre as teorias a respeito da saída de Patrícia do principal telejornal da televisão. “Quando se muda a ordem das coisas, logo vêm as teorias, perguntas de o que deu errado, quem brigou, obrigou, desistiu. Quando, na verdade, a história é uma só: gente que quer viver feliz a vida toda, sem esperar”, finalizou ela, que é repórter da Band no Rio Grande do Sul.

No seu perfil no Instagram, na noite de terça-feira (16), Patrícia Poeta republicou a mensagem da irmã. “A poetisa da casa. Ou melhor, a Poeta mesmo! (risos). Valeu, Paloma!”, comentou a jornalista na legenda do post.

Nenhum comentário:

Postar um comentário