domingo, 28 de setembro de 2014

Garota de 13 anos morre enforcada dentro de casa após suposta brincadeira.

No AM, estudante de 13 anos morre enforcada após suposta brincadeira

Jovem teria simulado um enforcamento para assustar o namorado, diz irmã.
Caso ocorreu na residência da família, em Manaus; polícia investiga.

 
Adneison Severiano  
Do G1 
 
Ana Caroline morreu após suposta brincadeira com corda (Foto: Arquivo Pessoal)Ana Caroline morreu após suposta brincadeira com corda (Foto: Arquivo Pessoal)
 
A estudante Ana Caroline da Silva Vieira, de 13 anos, morreu no fim da noite desta sexta-feira (26). De acordo com familiares, a jovem teria se enforcado com uma corda usada para amarrar uma rede de embalo, na residência onde morava com a família, no bairro Santa Etelvina, Zona Norte de Manaus.  
A irmã da vítima, a também estudante Ana Ruth Silva, de 26 anos, disse ao G1 que Ana Caroline estaria brincando quando acabou asfixiada. Ela chegou a receber socorro, mas morreu a caminho do hospital. Familiares acreditam que ela queria assustar o namorado simulando que estaria enforcada.
Ana Ruth contou que seu pai teria pedido para ela guardar a rede que estava amarrada pela corda na sala da casa. A irmã teria se oferecido e foi retirar a rede. Neste momento o namorado da vítima teria chegado ao local. A adolescente teria começado a brincar com a corda simulando um enforcamento. "O namoradinho dela, que estava com uma amiga, ainda pediu para ela parar com a brincadeira", revelou Ana Ruth.
Segundo a irmã, o namorado da adolescente e os sobrinhos da menina saíram para comprar salgados em um estabelecimento próximo à residência e Ana Caroline teria continuado na sala onde estava a rede. Os outros familiares estariam em outros cômodos da casa. 
De acordo com Ana Ruth, após alguns minutos, o namorado da vítima e as duas crianças retornaram, encontrando Ana Caroline pendurada com a corda no pescoço. "Acho que o sofá escorregou e ela não conseguiu tirar a corda do pescoço. Meu pai tentou reanimá-la, mas ela deu um último suspiro e morreu. Ela ainda foi levada para o SPA da Galileia, mas já chegou morta", disse ao G1.
Familiares não acreditam que a adolescente tenha se enforcado de forma proposital. A irmã contou ainda que os pais estão muito abalados. O laudo preliminar do Instituto Médico Legal (IML) aponta asfixia mecânica como causa da morte. A Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS) deve investigar o caso.

Nenhum comentário:

Postar um comentário