terça-feira, 30 de setembro de 2014

Máfia Azul, Pavilhão e Galoucura vão ficar 6 meses fora de estádios.

Três torcidas organizadas, de Cruzeiro e Galo, estão proibidas de ir a estádios

Integrantes da Máfia Azul, Pavilhão Independente e Galoucura estão, por seis meses, banidos de entrar para ver jogos no país inteiro usando objetos que as identifiquem

Por Belo Horizonte

Sinalizadores foram acesos e bombas arremessadas durante o jogo 
(Foto: Rafael Araújo)
Sinalizador torcida Atlético-MG x Cruzeiro (Foto: Rafael Araújo)Integrantes de três torcidas organizadas, uma do Atlético-MG e duas do Cruzeiro, estão proibidos de frequentar os estádios brasileiros durante seis meses com qualquer roupa ou objeto que as identifique. Torcedores que fazem parte da Galoucura, da Máfia Azul e da Pavilhão Independente não poderão circular em um raio de cinco quilômetros de qualquer estádio brasileiro, em dias e horários de partidas, durante seis meses, "portando ou exibindo qualquer vestimenta, faixa, bandeira, instrumento musical ou qualquer objeto que possa caracterizar a presença da torcida nos estádios ou seus respectivos entornos nos dias de jogos".
Além do período determinado, a punição vale pelos próximos cinco clássicos.

A medida, que começa a valer a partir do próximo dia 3 de outubro, foi tomada pelo promotor de defesa do consumidor do Ministério Público e coordenador do Procon estadual, Fernando Abreu, que analisou documentos e imagens por ele solicitados após as confusões ocorridas no clássico entre os rivais no último dia 21 de setembro.
De acordo com a assessoria de imprensa da Federação Mineira de Futebol (FMF), trata-se de uma medida preventiva, e as organizadas podem recorrer.

Reprodução de parte do termo de audiência divulgado pelo MPde MG (Foto: Reprodução )
Ata Ministério Publico de Minas Gerais - Torcidas (Foto: Reprodução )No termo de audiência divulgado pelo Ministério Público de Minas Gerais, o promotor cita o descumprimento de um acordo feito entre a Galoucura e a Polícia Militar e mudaram a rota de entrada no Mineirão, preferindo provocar a rival Pavilhão Independente. Foram encontrados, com torcedores da citada torcida atleticana, rojões, bombas conhecidas como garrafão e armas brancas chamadas de soco inglês.

Com relação à torcida Pavilhão Independente, a polícia abordou um integrante que queimava um rojão na rua e que continuou mesmo depois de ser advertido. Dentro do estádio, vários integrantes da mesma torcida tentaram invadir a área destinada à Galoucura "com arremesso de cadeiras depredadas".
Já sobre a Máfia Azul, foram relatadas brigas na sub-sede da torcida, onde "um integrante foi preso com quatro artefatos explosivos unidos por fita adesiva a pregos, evidenciando o alto potencial ofensivo".

Michael Phelps é detido nos EUA por dirigir sob influência de substância proibida.

Phelps é detido nos EUA por dirigir sob influência de substância proibida

Maior atleta olímpico de todos os tempos é liberado, mas vai responder a processo na Justiça americana. Autoridades não informaram qual a substância usada pelo mito


Por  
Baltimore, Estados Unidos

Michael Phelps voltou a 
competir neste ano (Foto: Getty Images)
Michael Phelps 100 metros costas (Foto: Getty Images)Maior medalhista na história das Olimpíadas, com 18 ouros e outros quatro pódios, o nadador Michael Phelps foi detido na manhã desta terça-feira por dirigir sob influência de bebida ou droga, em Baltimore, nos Estados Unidos. De acordo com a imprensa americana, o mito das piscinas foi parado pela polícia e passou por um teste que determinou uso de uma substância ainda não divulgada pelas autoridades. Após ser levado para uma delegacia, o atleta foi liberado. Mas Phelps ainda vai responder na Justiça a um processo pela infração.
É a segunda vez que Micheal é pego pelo mesmo motivo. Em 2004, quando tinha 18 anos de idade, o nadador foi flagrado dirigindo embriagado. Na ocasião, ele fechou um acordo com as autoridades e se declarou culpado em troca de 18 meses de liberdade condicional.
Após um período de quase dois anos de aposentadoria, Michael Phelps voltou a competir em abril deste ano, no Grand Prix de Mesa, nos Estados Unidos. Porém, o primeiro triunfo dele neste retorno às piscinas aconteceu em maio, quando ele venceu os 100m borboleta no GP de Charlotte, também nos Estados Unidos.

Um dia após discurso homofóbico, candidatos repudiam fala de Levy Fidelix.

Um dia após discurso homofóbico, candidatos repudiam fala de Levy Fidelix

Levy Fidelix, do PRTB 
Levy Fidelix, do PRTB

 
Com algumas horas de atraso, os candidatos à Presidência da República repudiaram o discurso homofóbico de Levy Fidelix (PRTB) no debate do último domingo (29), pela TV Record. Se no momento da fala todos permaneceram calados, o dia seguinte foi reservado aos posicionamentos contrários ao perretebista.

Responsável por trazer o tema ao debate, quando perguntou sobre a dificuldade em aceitar uniões civis entre gays, Luciana Genro (PSOL) já iniciou as medidas legais para combater o discurso de Levy. Juntamente do deputado Jean Wyllys, candidato a reeleição, Genro entrou com uma representação ao TSE exigindo que o adversário "seja punido, nos termos da legislação eleitoral, por ter incitado o ódio e a violência contra a população LGT em seu pronuciamento no debate".

Eduardo Jorge (PV) utilizou o Twitter para opinar. "Hoje vocês viram o quanto é necessário uma legislação que criminalize a homo/lesbo/transfobia, equiparando-as aos crimes de racismo, né?", postou. O departamento jurídico do Partido Verde também estuda entrar com ação no TSE.

Os três candidatos mais fortes desta eleição não mostraram qualquer tipo de reação no momento da fala de Levy Fidelix. O silêncio do momento foi quebrado nesta segunda-feira, com Aécio Neves (PSDB), Dilma Rousseff (PT) e Marina Silva (PSB) condenando a fala do candidato.

Em caminhada por São Bernardo do Campo, em São Paulo, Aécio Neves se posicionou. "Quero expressar nosso repúdio absoluto àquela declaração. Como já disse, qualquer tipo de discriminação é crime. Homofobia também", afirmou, concluindo que "foi uma participação sem sentido e equivocada (de Levy Fidelix".

"Sou contra a homofobia e acho que o Brasil atingiu um patamar de civilidade que nós, a sociedade brasileira e o governo, não podemos conviver com processos de discriminação que levem à violência", disse Dilma Rousseff durante coletiva de imprensa em um hotel de São Paulo.

Marina Silva foi taxativa ao afirmar que "as declarações são de fato homofóbicas e inaceitáveis em qualquer circunstância". "A declaração dele foi inaceitável do ponto de vista da completa intolerância com a diversidade social e cultural que caracteriza o nosso país", concluiu.

Irã deve executar mulher por matar homem que teria tentado estuprá-la.

Irã deve executar mulher por matar homem que teria tentado estuprá-la

 

(Foto: Reprodução / Facebook) 
(Foto: Reprodução / Facebook)
 

Uma iraniana condenada por assassinar um homem que ela acusou de tentar estuprá-la deve ser executada nesta terça-feira segundo sua família. ONGs afirmam que o caso nunca foi devidamente investigado e que sua confissão foi forçada.
Reyhaneh Jabbari, de 26 anos, foi presa em 2007 pelo assassinato de Morteza Abdolali Sarbandi, um ex-funcionário do Ministério da Inteligência iraniano. Reyhaneh afirma que Sarbandi tentou estuprá-la e que ela reagiu, esfaqueando-o, mas que não o assassinou: ele teria sido morto por outro homem.
Ela foi condenada à morte em um tribunal em Teerã em 2009, e perdeu um recurso na Corte Suprema. Mesmo uma petição internacional com 190 mil assinaturas não conseguiu reverter o veredicto.
Na segunda-feira, a mãe de Reyhaneh foi contactada pela penitenciária de Evin para "retirar o corpo" na quarta-feira, informou a Anistia Internacional. Num post no Facebook, a mãe contou sobre a última ligação da filha:
"Estou algemada e um carro me espera para me levar para a execução. Adeus, querida mãe. Todo o meu sofrimento terminará amanhã cedo."
Vice-diretor da Anistia Internacional para Oriente Médio e Norte da África, Hassiba Hadj Sahraoui pede que a execução seja suspensa:
"Essa execução abominável não deve ser permitida, particularmente quando há sérias dúvidas sobre as circunstâncias do assassinato".

Aplicativo que trata espinhas pode revolucionar medicina.

Este app para tratar espinhas aponta para um futuro da medicina



Há uma chance gigantesca de você já ter tido ou sofrer atualmente com acne. Quem se dispõe a enfrentar os sintomas pode acabar gastando um bocado de dinheiro em pomadas, cremes e remédios. Todo mundo faz isso: o mercado de produtos para acne movimenta algo como 3,3 bilhões de dólares por ano globalmente. A impressão que tenho é que ele gera tanto dinheiro assim porque as pessoas ficam pulando de remédio em remédio até achar algo que funcione. E não há nada muito científico no processo: o tratamento comumente fica baseado no que uma amiga sugere ou o produto novo na farmácia ou na TV. Pouca gente vai a um médico. Será que um aplicativo de smartphone poderia mudar as coisas?
É o que aposta o Spruce, app disponível para iPhone, por enquanto apenas para habitantes de alguns estados dos EUA. Ele funciona assim: você abre o app, tira alguns “selfies” que mostram bem as suas espinhas (ou correlatas), preenche um questionário com seu histórico e especificicades do caso (se dói, se tem pus, se criou cicatriz, se você costuma cutucá-lo, etc) e manda. Em até 24 horas um dermatologista registrado pelo conselho de medicina da cidade irá avaliar o caso (do seu próprio app, no iPad ou computador) e receitar o tratamento adequado.

Uso de antibiótico antes dos 2 anos eleva risco de obesidade infantil.

Uso de antibiótico antes dos 2 anos eleva risco de obesidade infantil

Chances do problema podem ser até 20% mais elevadas, principalmente se criança é exposta ao medicamento pelo menos quatro vezes nessa idade

 

Obesidade infantil: limitar uso de antibiótico antes dos 2 anos pode prevenir problema
Obesidade infantil: limitar uso de antibiótico antes dos 2 anos pode prevenir problema  
(ThinkStock/VEJA) 

 
Um novo estudo americano é mais um a sugerir a que os antibióticos podem levar a problemas relacionados ao peso. Segundo a pesquisa, feita com quase 65 000 crianças, o uso desses medicamentos antes dos 2 anos de idade aumenta a probabilidade de obesidade infantil.
O trabalho, publicado nesta segunda-feira no periódico Jama Pediatrics, foi feito no Hospital Infantil da Filadélfia. Os pesquisadores analisaram dados de 64 580 crianças, recolhidos entre 2001 e 2013.

CONHEÇA A PESQUISA

Título original: Association of Antibiotics in Infancy With Early Childhood Obesity​

Onde foi divulgada: periódico Jama Pediatrics

Quem fez: Charles Bailey, Christopher B. Forrest, Peixin Zhang, Thomas M. Richards, Alice Livshits e Patricia A. DeRusso

Instituição: Hospital Infantil da Filadélfia; Universidade da Pensilvânia; e Faculdade de Saúde Pública da Johns Hopkins, Estados Unidos

Resultado: O uso de antibiótico antes dos 2 anos de idade pode aumentar em até 20% a chance de obesidade infantil, principalmente se são prescritos antibióticos de amplo espectro e mais do que quatro vezes.
 
Segundo o estudo, mais de dois terços das crianças tomaram antibióticos antes de completarem dois anos. Entre elas, a chance de obesidade infantil foi de 2% a 20% maior do que o de crianças que não foram expostas ao tratamento nessa faixa etária. Os principais fatores que contribuíram com a diferença desse risco foram a frequência do uso de antibiótico e o tipo do medicamento usado.

Por exemplo, a maior propensão à obesidade infantil foi observada em crianças que foram tratadas com antibióticos pelo menos quatro vezes antes dos dois anos. Além disso, o excesso de peso na infância foi associado principalmente ao uso de antibióticos de amplo espectro, que são usados para combater várias bactérias diferentes.
Para os autores do estudo, as diretrizes sobre o tratamento de doenças pediátricas devem impor limites no uso de antibióticos e dar preferência a medicamentos de espectro reduzido. "A nossa pesquisa dá uma razão sólida para considerar com mais cuidado as razões para os usos de antibióticos e evitá-los sempre que possível", diz Patricia Vuguin, endocrinologista pediátrica do Hospital Infantil da Filadélfia e uma das autoras do trabalho.
Segundo a equipe, pesquisas futuras devem observar de que forma outros fatores de risco para a obesidade infantil – como sedentarismo, má alimentação e histórico familiar – influenciam na ação dos antibióticos sobre o excesso de peso.

Campeão da Copa de 1990 precisa limpar banheiros para quitar dívidas.

Campeão da Copa de 1990 precisa limpar banheiros para quitar dívidas

Aos 53 anos, ex-zagueiro Andreas Brehme deve mais de 600 milhões de reais

 

Andreas Brehme bate pênalti que deu o tricampeonato da Alemanha na final da Copa de 1990, contra a Argentina, em Roma
O auge: Brehme na cobrança de pênalti que deu o tricampeonato à Alemanha no Estádio Olímpico de Roma (David Cannon/Getty Images) 
 
Andreas Brehme, ex-defensor que marcou o gol do título da Alemanha sobre a Argentina na final da Copa do Mundo de 1990, passa por graves dificuldades financeiras. Vinte e quatro anos depois do gol de pênalti em Roma, Brehme tem uma dívida de 200.000 euros (cerca de 620.000 reais), segundo informações do canal de TV Deutsche Welle. O ex-jogador de 53 anos recebeu uma oferta para limpar banheiros na empresa de um amigo para poder quitar parte de suas dívidas. 

Pool/Getty Images
Brehme, em 2010: falido
Andreas Brehme em uma de suas aparições públicas, em 2010Segundo a reportagem da tevê alemã, Brehme terá de responder à Justiça em Munique pelo não pagamento de empréstimos de longa data. Franz Beckenbauer, o maior jogador alemão de todos os tempos, disse querer ajudar o ex-companheiro de seleção. "Temos a responsabilidade de ajudar. Ele fez muito para o futebol alemão com um gol de título. Agora é a vez do futebol alemão fazer algo por ele. Talvez possamos criar um fundo para proteger os jogadores que estão em emergências", afirmou o Beckenbauer, que foi o treinador da seleção no tricampeonato em 1990.
Ulf Baranowski, presidente da União de Jogadores Profissionais, disse que a entidade pretende ajudar Brehme, mas fez um alerta. "Tentamos ensinar os jogadores a evitar situações como essa. Nosso conselho é muito claro: todos precisam ter um plano B, aprender outra profissão. Eles precisam criar um elo entre o momento que param de jogar e a vida após o futebol."
Outro ex-atleta, Oliver Straube, que atuou em clubes da primeira divisão da Alemanha na década de 1990, ofereceu emprego a Brehme. "Estamos dispostos a empregá-lo como assistente na nossa empresa de limpeza de dutos. Ele pode começar limpando sanitários e isso vai servir para descobrir que pode fazer algo na vida e melhorar a sua imagem", disse Straube. O canal alemão não informou se Brehme aceitou a proposta de trabalho. O último emprego fixo do ídolo do Bayern de Munique e da Inter de Milan foi como assistente técnico de Giovanni Trapattoni, no Stuttgart, em 2006. Brehme disputou as Copas de 1986, 1990 e 1994 pela seleção alemã e se aposentou em 1998.

Idoso é acorrentado e mantido em cárcere privado pela filha em Janaúba, MG.

Idoso é acorrentado e mantido em cárcere privado pela filha em Janaúba

Cartão do INSS do homem ficava com a filha, que recebia o dinheiro do pai.
Idoso estava acorrentado desde julho de 2014; ele relatou sofrer agressões.

 
Michelly Oda 
Do G1
 
Idoso estava acorrentado por um dos pés (Foto: Divulgação / Polícia Militar) 
Idoso estava acorrentado por um dos pés (Foto: Divulgação / Polícia Militar)


Um mulher de 28 anos foi presa por maus tratos e cárcere privado nesta terça-feira (30), no Bairro São Lucas, em Janaúba (MG). Após receber uma denúncia anônima, uma equipe da Polícia Militar foi até a casa onde ela mora e encontrou o pai dela, de 62 anos, acorrentado por um dos pés.
O idoso informou para os militares que está acorrentado desde julho deste ano. Ele disse também que o cartão utilizado para sacar o benefício do Instituto Nacional de Seguridade Social fica com a filha, que é quem recebe e fica com o dinheiro. Ele também falou que já levou um soco perto dos olhos e que não quer morar com a filha.

Já a filha do idoso diz que acorrentou o pai porque ele não tem condições de se sustentar, e é surdo e agressivo. Ela falou também que ele sai de casa e não retorna, além de ameaçar outras pessoas. Mas a PM constatou que o homem de 62 anos é lúcido. Segundo a polícia, apesar de não escutar perfeitamente, ele não é surdo e faz leitura labial, e também fala normalmente. Os policiais observaram ainda que a mulher e o marido dela fazem xingamentos ao idoso.

A mulher foi levada para a delegacia, junto com o pai. Após ser ouvida, a Polícia Civil vai definir quais as providências serão tomadas quanto ao idoso. A filha do homem de 62 anos foi encaminhada para o Presídio de Janaúba, após ser presa em flagrante.

Jovem é agredida por vizinhas 'por ser linda'.

Jovem é agredida por vizinhas na Argentina 'por ser linda', diz irmã

'Vai ficar como o Chucky', disseram agressoras, de acordo com familiar.
Menina de 15 anos teve cortes nas costas e no rosto.

 
Do G1
 
Imagem da jovem agredida foi publicada no Facebook (Foto: Reprodução/Facebook/Yeni Alvarez)Imagem da jovem agredida foi publicada no
Facebook (Foto: Reprodução/Facebook/Yeni Alvarez)

Uma jovem de 15 anos foi atacada a facadas por duas vizinhas que queriam desfigurá-la por "ser linda", segundo a irmã da vítima. O caso aconteceu na cidade de Juan Domingo Perón, na Argentina, de acordo com o site do diário "El Clarín".
A irmã da jovem atacada disse que as duas agressoras afirmavam que ela iria "ficar como Chucky", em referência ao personagem do filme "Brinquedo Assassino", e gritavam "vamos ver quem diz que você é linda agora".
A adolescente teve cortes no rosto e nas costas. A irmã publicou imagens dos cortes no Facebook. "Destruíram sua vida", escreveu a familiar na rede social. Ainda de acordo com a versão da irmã, uma das agressoras é menor de idade e a outra é maior.

Microsoft anuncia novo Windows 10, que marca a volta do menu 'Iniciar'.

Microsoft anuncia novo Windows 10

Novo sistema operacional irá rodar em PCs, smartphones e tablets.
Windows 10 marca a volta do menu 'Iniciar', retirado no Windows 8.

 
Do G1
 
Windows 10, o novo sistema da Microsoft. (Foto: Divulgação/Microsoft) 
Windows 10, o novo sistema da Microsoft. (Foto: Divulgação/Microsoft)


A Microsoft anunciou nesta terça-feira (30) o Windows 10, nova versão do sistema operacional da empresa que irá rodar em PCs, smartphones e tablets. O Windows 10 também marca o retorno do menu "Iniciar" à sua função original, removida do sistema da Microsoft no Windows 8.
Com o Windows 10, a Microsoft “pulou” um número na sequência das versões de seus sistemas. Esse, por exemplo, era chamado informalmente de “Windows 9”. “Quando você vir o produto em sua integralidade, eu acredito que você irá concordar conosco que esse é o nome mais apropriado”, afirmou Terry Myerson, chefe da divisão de Windows na Microsoft, durante o evento de apresentação.
De acordo com Myerson, o "novo Windows foi construído desde o princípio para um mundo que pensa primeiro em dispositivos móveis e na nuvem". A interface e a loja de aplicativos do sistema é a mesma em todos os aparelhos. Essa é a aposta da companhia para aparelhos com dimensão de 4 a 80 polegadas. Por isso, o Windows 10 também é o sucessor do Windows Phone 8.1, e é o novo sistema operacional dos smartphones da Microsoft.

Windows 10, o novo sistema da Microsoft. (Foto:
Divulgação/Microsoft)
Windows 10, o novo sistema da Microsoft. (Foto: Divulgação/Microsoft)Iniciar

A volta do menu "Iniciar" como ponto de partida para abrir programas no Windows e personalizar as configurações da máquina é um pedido antigo dos usuários. No Windows 8, o botão foi removido porque a Microsoft tentava unificar o design do sistema em computadores, tablets e smartphones. A decisão fazia parte da estratégia da Microsoft no que se convencionou chamar de era "pós-PC",  um cenário onde os computadores perderam espaço para o avanço dos dispositivos móveis. A mudança, porém, não caiu no gosto dos usuários, aparentemente ainda fãs de mouse e teclado.
No Windows 8.1, o botão "Iniciar" ele foi novamente incluído, mas de maneira diferente. Ao clicar nele, o usuário não era remetido ao menu clássico, mas à interface chamada de Metro, que organiza os programas instalados no PC em blocos dispostos lado a lado.
A barra lateral Charms foi preservada no novo Windows. Já o menu com cara de smartphone, foi reduzido ao tamanho clássico para a versão voltada a PCs e mantido, com alterações, para tablets e aparelhos com tela sensível ao toque.


Pós-PC não pegou

A família Windows, com todas as suas versões, está instalada em 88,47% dos computadores do mundo, segundo dados da consultoria Net Aplications referentes a agosto deste ano. Mas as versões "pós-PC", os Windows 8 e 8.1, somadas, estão presentes em 13,37% dos desktops. Já o último sistema antes da mudança, o Windows 7, é o mais utilizado: roda em 51,21% dos PCs. Até o Windows XP, que já deixou de receber suporte da Microsoft, é mais popular que os Windows 8 e 8.1, com 23,89% de participação. Segundo Myerson, cerca de 1,5 bilhão de pessoas usam o Windows atualmente.
A Microsoft não anunciou uma data de lançamento, mas informou que o Windows 10 vai chegar aos computadores em 2015. A companhia não informou se haverá incentivo para que usuários dos Windows XP e 7 migrem para a nova plataforma.

Modelo tira roupa em estádio para pagar 'aposta'.

Modelo tira roupa em estádio para pagar 'aposta'

 

Heather McCartney - Reprodução/Facebook


Reprodução/Twitter


A modelo escocesa Heather McCartney, de 26 anos, causou furor em estádio na Austrália e nas redes sociais da internet após ficar nua em um camarote do Melbourne Cricket Ground no sábado (27/9) durante partida de futebol australiano.

Heather disse que havia prometido que, se a equipe do Hawthorn vencesse a do Sydney Swans, ela tiraria a roupa. O Hawthorn triunfou e a loura pagou a promessa.

"Foi uma aposta. Se o Hawthorn ganhasse eu ficaria nua. Ele venceu e eu fiquei pelada", explicou a escocesa ao "Herald Sun".
Um homem que estava no camarote apresentou outra versão. Segundo ele, Heather havia sido contratada para ir ao estádio e teria tido a promessa de cachê em dobro se ficasse nua em público.

A nudez, entretanto, levou Heather para a cadeia. A modelo foi denunciada por outros espectadores e recebeu a visita de policiais. Ela resistiu à prisão, mas acabou algemada. A escocesa passou a noite na cadeia e foi multada em cerca de R$ 1.200 por comportamento indecente.

Reprodução/Twitter


Reprodução/Facebook


Reprodução/Facebook

Após explosão com feridos, fábrica de fogos funciona de forma parcial em Santo Antônio do Monte, MG.

Após explosão com feridos, fábrica de fogos funciona de forma parcial

Explosões seguidas de incêndios foram em Santo Antônio do Monte.
Um funcionário teve perna amputada e outro parte do corpo queimado.

 
Bárbara Almeida  
Do G1
 
Dupla explosão em fábrica de Fogos de Artificio em Santo Antônio do Monte (Foto: TV Integração/Reprodução)Explosões ocorreram no mesmo dia e dois ficaram feridos (Foto: TV Integração/Reprodução)

Estão internados em estado grave os dois funcionários que ficaram feridos após duas explosões seguidas de incêndios em uma fábrica de fogos de artifícios em Santo Antônio do Monte. Nesta terça-feira (30), somente o escritório da Indústria e Comércio de Fogos União está funcionando. Os demais funcionários foram liberados e ninguém da empresa foi localizado para falar sobre o caso. Depois do ocorrido, a Polícia Militar (PM) acionou a Polícia Civil e o Exército Brasileiro, que ficou de enviar nota sobre o acidente.
As vítimas estão no Hospital João XXIII em Belo Horizonte. Segundo o hospital, Antônio Márcio da Silveira, 35 anos, teve 65% do corpo queimado e está intubado no Centro de Tratamento Intensivo (CTI). Já Pedro Geraldo Pinto, 49 anos, teve uma das pernas amputadas abaixo do joelho, está consciente e respira por cateter nasal.
De acordo com a Polícia Militar (PM), os funcionários ficaram feridos após duas explosões seguidas de incêndios que ocorreram na fábrica. A primeira foi no período da manhã quando o homem de 35 anos manipulava uma massa que contém, entre outros materiais, enxofre e álcool, para fazer uma espoleta. O material explodiu e atingiu o funcionário que foi socorrido por trabalhadores da fábrica. Ele foi encaminhado para o Hospital de Pronto Atendimento de Santo Antônio do Monte e depois transferido para Belo Horizonte.
Dupla explosão em fábrica de Fogos de Artificio em Santo Antônio do Monte (Foto: TV Integração/Reprodução)Trabalhador teve perna dilacerada em área de risco (Foto: TV Integração/Reprodução)

Segundo a PM, depois do ocorrido alguns funcionários foram liberados e outros ficaram para retirar um material que não podia ficar no local. Nesse momento, ocorreu uma pequena explosão que atingiu o homem de 49 anos. Ele teve a perna dilacerada e também foi socorrido por trabalhadores da fábrica.
Os militares acionaram a perícia técnica da Polícia Civil e o Exército Brasileiro. De acordo com o delegado Lucélio Santos, o local foi periciado e foi aberto um inquérito para investigar as causas. "Ainda é muito cedo para determinar as causas do acidente. Estamos fazendo o trabalho pericial e vamos aguardar os resultados. A fábrica está dentro das normas para funcionamento e várias pessoas serão chamadas para prestar depoimentos", comentou.
O G1 entrou em contato com o Exército Brasileiro e aguarda nota oficial sobre o duplo acidente. A reportagem também entrou em contato, por telefone, com a fábrica que informou que nesta terça-feira os funcionários estão liberados das atividades e apenas o escritório está em serviço. Também foi informado que não havia ninguém na empresa no momento para se pronunciar sobre o caso.
Dupla explosão em fábrica de Fogos de Artificio em Santo Antônio do Monte (Foto: TV Integração/Reprodução)Polícia Civil investiga as causas dos acidentes
(Foto: TV Integração/Reprodução)
 
O Corpo de Bombeiros informou ao G1 que a corporação não foi acionada para atender a ocorrência. Por telefone, o gerente do Sindicato das Indústria de Explosivos no Estado de Minas Gerais (Sindiemg), Américo Libério da Silva, informou que as vítimas estão sendo assistidas pelo sindicato.
"O supervisor técnico e engenheiro químico do sindicato, José Expedito do Amaral Júnior, foi para o local para prestar suporte necessário já que a fábrica é credenciada ao Sindiemg. Além disso, estamos prestando apoio às vítimas e aguardamos a investigação", disse Silva.

Mulher é estuprada duas vezes em menos de uma hora em Nova York.

Mulher é estuprada duas vezes em menos de uma hora em Nova York

 
 
(Foto: Getty Images) 
(Foto: Getty Images)
 

Uma mulher de 31 anos foi supostamente estuprada duas vezes em menos de uma hora por dois homens em Nova York. A vítima tinha acabado de sair de um bar quando foi atacado por um homem identificado como Nicholas Isaac, de 17 anos, que a agarrou, a jogou no chão e abusou sexualmente dela. Em seguida, ele ameaçou matá-la e fugiu com sua bolsa.
Atordoada, a mulher conseguiu se levantar e cambaleou por cerca de 150 metros, quando encontrou outro homem, Daquan Jackson, de 20 anos, e pediu ajuda. No entanto, Jackson começou a estuprá-la novamente.
A polícia suspeita que os dois homens estavam trabalhando juntos. Isaac e Jackson foram acusados "de roubo, abuso sexual, aprisionamento ilegal, assalto e posse ilegal, entre outras acusações".
No processo que está em andamento no tribunal do Brooklyn, a vítima afirma que os dois atacantes a empurraram no chão e ameaçaram matá-la se ela não atendesse aos seus pedidos. No entanto, nenhuma arma foi redurante o ataque.
O advogado de Jackson, no entanto, disse ao tribunal as identidades tinham sido confundidas e afirmou que os dois estupros em uma hora foi uma "fantasia delirante".

Orkut, 1ª rede social dos brasileiros, chega ao fim nesta 3ª.

Orkut, 1ª rede social dos brasileiros, chega ao fim nesta 3ª

Conteúdo das comunidades ficará disponível na web em "museu on-line"

 
Claudia Tozetto
 
Reprodução
Comunidade "Te Incomodo?? Que peeena!!!" é uma das mais populares do Orkut (comunidade Orkut Te Incomodo?? Que peeena!!!/VEJA)


O Google vai desativar nesta terça-feira o Orkut, primeiro site de relacionamentos usado em larga escala pelos brasileiros. A partir de amanhã, os usuários não conseguirão mais acessar seus perfis, exportar álbuns de fotos para o Google+ e acessar aplicativos e jogos baseados na plataforma. Até setembro de 2016, quem quiser guardar os dados publicados na rede social poderá exportar os dados do perfil, comunidades e fotos com a ferramenta Google Takeout.

O principal motivo para o fim do Orkut, segundo o Google, é a popularidade de outros serviços da empresa, como YouTube, Blogger e Google+. “O crescimento dessas comunidades ultrapassou o do Orkut. Por isso, decidimos dizer adeus e concentrar nossas energias e recursos para tornar essas e outras plataformas sociais ainda mais incríveis”, escreveu Paulo Golgher, diretor de engenharia do Google, em junho. Desde o anúncio do fechamento do Orkut, o site não aceita novos cadastrados.
As comunidades, que estão entre os recursos mais populares da rede social, continuarão disponíveis por meio da web após o fim do Orkut. De acordo com o Google, as mensagens de todos os usuários poderão ser acessadas nessa espécie de “museu on-line”: o novo endereço das comunidades será divulgado pela empresa na manhã desta terça-feira. Para impedir que seus comentários em comunidades sejam exibidos na nova página, os usuários deverão remover o Orkut de sua conta Google.


História  

O Orkut foi criado em janeiro de 2004 pelo engenheiro de software turco Orkut Büyükkökten. Ele aproveitou o tempo livre (20% da jornada) que o Google dá aos funcionários para o desenvolvimento de novas ideias. Com grande adesão de indianos e brasileiros — por sete anos, o serviço foi campeão no segmento no Brasil —, a rede despontou como uma das maiores do mundo, brigando do MySpace, serviço voltado à música que dominou o setor entre 2003 e 2006.
Em dezembro de 2011, contudo, o Orkut perdeu a preferência dos brasileiros para o Facebook, que havia desembarcado havia pouco no país. Ficaria claro, nos anos seguintes, que o Google dedicava pouca atenção ao serviço e que, dessa forma, ele sofreria de "morte natural" — ou seja, seria extinto por falta de interesse de usuários e também de seu proprietário. Em 2012, o gigante de buscas começou a integrar ainda mais os serviços do Orkut ao Google+, deixando claro que esse seria sua prioridade em matéria de redes sociais.

Corinthians anuncia novo reforço: Homer Simpson.

Corinthians anuncia novo reforço: Homer Simpson

Time vai vender produtos com a marca do seriado americano 'Os Simpsons'

Corinthians será o primeiro clube do mundo a vender produtos licenciados com a marca de 'Os Simpsons'
Corinthians será o primeiro clube do mundo a vender produtos licenciados com a marca de 'Os Simpsons' (Divulgação/Corinthians/VEJA)


O Corinthians anunciou a chegada de uma uma estrela internacional nesta segunda-feira. O novo reforço não vai resolver o problema de pontaria da equipe, mas deve ajudar nas vendas de produtos oficiais e contribuir para a internacionalização da marca do clube. O Corinthians oficializou uma parceria com o estúdio americano 20th Century Fox International e se tornou o quinto clube do mundo a poder explorar a marca de Os Simpsons, série animada americana.

Além do Corinthians, Homer Simpson e sua família já adotaram Barcelona, Boca Juniors, Chelsea e Zenit como seus clubes do coração. O time brasileiro será o primeiro a licenciar produtos com os personagens do desenho animado que está no ar há 25 anos. Entre os produtos que estarão à venda para torcedores corintianos a partir desta semana, há taças, canecas, copos, avental e outros kits que se relacionam com o estilo de vida de Homer Simpson.
Em junho, em um capítulo dos Simpsons que satirizava a Copa do Mundo, Homer apareceu como árbitro da partida inaugural do Mundial no Itaquerão. Um mês antes, quando a parceria estava para ser assinada, um boneco do personagem principal da série animou um treinamento da equipe no CT do Parque Ecológico.


Em maio, boneco de Homer Simpson participa de coletiva de Petros, no CT do Corinthians
Em maio, boneco de Homer Simpson já havia dado as caras no CT do Parque Ecológico



Craques do Barcelona viram personagens da série 'Os Simpsons'
Craques do Barcelona viram personagens da série 'Os Simpsons'


Bart Simpson, personagem da série 'Os Simpsons' com a camisa do Zenit, da Rússia
Bart Simpson, personagem da série 'Os Simpsons' com a camisa do Zenit, da Rússia

 Eden Hazard, meia belga do Chelsea, com seu boneco de 'Os Simpsons'
Eden Hazard, meia belga do Chelsea, com seu boneco de 'Os Simpsons'

Bancários decidem por greve nacional por tempo indeterminado.

Bancários decidem por greve nacional por tempo indeterminado

Sindicatos defendem um aumento salarial de 12,5%, com ganho real de 5,8%; bancos haviam oferecido reajuste de 7,35%

Greve dos bancários em Curitiba
Greve dos bancários: paralisação começa nesta terça  
(Brunno Covello/Gazeta do Povo/Futura Press/VEJA) 

 
Os bancários rejeitaram na noite desta segunda-feira mais uma proposta de reajuste salarial e aprovaram o início de greve nacional por tempo indeterminado para esta terça-feira. A última paralisação dos bancários ocorreu entre setembro e outubro do ano passado e durou mais de 20 dias. Confirmaram adesão à greve os estados de São Paulo, Minas Gerais, Rio de Janeiro, Distrito Federal, Paraná, Bahia, Pernambuco, Ceará, Alagoas, Paraíba, Piauí, Acre, Mato Grosso do Sul, Sergipe, Santa Catarina, Espírito Santo, Mato Grosso, Maranhão, Amapá, Rondônia e alguns municípios do Rio Grande do Sul. Contudo, nem todas as assembleias terminaram no país.
Entre outras reivindicações, eles defendem um aumento de 12,5%, com ganho real de 5,8%. Para o cálculo da inflação foi utilizado o Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC), que acumulou alta de 6,35% no período de 12 meses encerrado em agosto. A data-base dos bancários para renegociar os contratos coletivos de trabalho é 1º de setembro. 

Após os bancários rejeitarem proposta da Federação Nacional dos Bancos (Fenaban) na quinta-feira da semana passada, a instituição retomou as negociações na sexta-feira e apresentou novos números no sábado. A federação ofereceu um reajuste de 7,35% nos salários, na Participação nos Lucros e Resultados (PLR) e nos valores dos vales e auxílios. Para o piso da categoria, o reajuste oferecido foi de 8%.
O Comando Nacional dos Bancários considerou a proposta insuficiente e orientou os 134 sindicatos que representa no país a votarem pela greve nas assembleias desta segunda-feira. Os bancários se reuniram no início desta noite em todo o país para votar a proposta da Fenaban e para organizar a greve, após oito rodadas de negociações.
Os sindicalitas reivindicam, além do reajuste salarial de 12,5%, PLR de três salários mais parcela adicional de 6.247 reais. Os bancários também querem gratificação de caixa de 1.042,74 reais, gratificação de função de 70% do salário do cargo efetivo e vale-cultura de 112,50 reais.
Segundo a assessoria do Sindicato dos Bancários e Financiários de São Paulo, Osasco e Região - o maior da categoria -, não deve ocorrer uma adesão total à greve amanhã, mas a assessoria lembrou que as paralisações costumam crescer ao longo do tempo. Haverá um balanço diário para medir quantas agências aderiram à greve.


Contas a pagar  

O Procon orientou, em nota divulgada nesta terça, os consumidores a continuar pagando suas contas, o que pode ser feito pela internet, nos caixas eletrônicos, casas lotéricas, supermercados e agências dos Correios. "A greve é um risco previsto nas atividades de uma instituição financeira, mas se o consumidor tentou outras formas de pagamento e não obteve resultado não poderá arcar com eventuais prejuízos", explicou a instituição.
A Fenaban ainda esclareceu que apenas 10% das operações bancárias são feitas por meio das agências. A internet representa a maior parcela, com 41% das transações, seguida pelos caixas eletrônicos, com 23%, conforme números correspondentes a 2013. 
(Com Estadão Conteúdo)

Miss Brasil sofre ofensa na web por ser cearense.

OAB-CE pede identificação de autores
de frases ofensivas contra Miss Brasil

Melissa Gurgel foi alvo de racismo ao receber título de miss por ser do CE.
Comentários são racistas com o povo cearense, diz presidente da OAB-CE.

 
Do G1
 
Internauta se refere ao sotaque da cearense como 'sofrível' (Foto: Twitter/Reprodução)Internauta se refere ao sotaque da cearense
como 'sofrível' (Foto: Twitter/Reprodução)

O presidente em exercício da Ordem dos Advogados do Brasil no Ceará (OAB-CE), Ricardo Bacelar, assinou nesta segunda-feira (29) representação e notícia-crime no Ministério Público Federal para responsabilizar os autores de mensagens racistas nas redes sociais contra Melissa Gurgel, a cearense eleita Miss Brasil no sábado (27).
“São colocados comentários preconceituosos e depreciativos ao povo cearense. Os comentários dizem que o sotaque cearense é sofrível, que o povo cearense é feio. É racismo em razão da localidade do Ceará, e nós não vamos aceitar isso. O sotaque cearense nos orgulha e faz parte da nossa cultura e da nossa identidade”, diz o presidente da OAB-CE, Ricardo Bacelar.
Após a vitória da cearense no concurso de miss, ela foi alvo de comentários preconceituosos. "Miss Ceará bonita até abrir a boca e vir aquele sotaquezinho sofrível", diz uma das mensagens. "Lembrem de deixar a TV no mudo quando a miss Ceará for dar a palestra dela no miss Brasil do ano que vem", diz outra.
O presidente em exercício afirma que coletou a imagem de algumas mensagens racistas contra Melissa Gurgel e apresentou ao Ministério Público Federal no Ceará. “Formalizamos a representação no MPF para apurar com rigor esse desrespeito ao povo cearense”. Se condenados, os autores de mensagens racistas podem presos por período de dois a cinco anos.

Miss Ceará 2014 (Foto: Lucas Ismael/Band/Divulgação)Miss Brasil 2014
(Foto: Lucas Ismael/Band/Divulgação)

Melissa Gurgel, de 20 anos, foi eleita a Miss Brasil no sábado (27), em concurso realizado no Centro de Eventos do Ceará, em Fortaleza, com a participação das 27 misses dos estados e do Distrito Federal.


'Poder da mulher brasileira'

A  cearense Melissa Gurgel, 20 anos, eleita a Miss Brasil 2014, prometeu representar bem o Brasil no Miss Universo e mostrar o "poder da mulher brasileira".
"Eu pretendo estudar muito, conhecer outras culturas, aproveitar essa oportunidade única de representar o nosso país lá fora e mostrar para o mundo o poder da mulher brasileira, mostrar nossos princípios e nossos valores", disse, logo após receber a faixa e coroa de Miss Brasil 2014. Ela recebeu a faixa de Miss Brasil e um carro no valor de R$ 40 mil, como premiação do 60º concurso Miss Brasil. Ela vai disputar agora o Miss Universo, que será realizado neste ano, nos Estados Unidos.


Reação da cearense ao ser anunciada Miss Brasil (Foto: Lucas Ismael/Band/Divulgação) 
Reação da cearense ao ser anunciada Miss Brasil (Foto: Lucas Ismael/Band/Divulgação)
 
 
Cearense disputou o título com outras 26 garotas e vai representar o Brasil no Miss Universo, nos EUA (Foto: Lucas Ismael/Band/Divulgação) 
Cearense disputou o título com outras 26 garotas e vai representar o Brasil no Miss Universo, nos EUA (Foto: Lucas Ismael/Band/Divulgação)

segunda-feira, 29 de setembro de 2014

Escola é arrombada e câmera de segurança é levada em Oliveira, MG.

Escola é arrombada e câmera de segurança é levada em Oliveira

PM disse que outra câmera registrou a ação.
Imagens ajudarão a Polícia Civil nas investigações.

 
Do G1
 
Escola é arrombada em Oliveira (Foto: Marcelo Praxesdes/Divulgaão)Essa é a segunda vez que escola é arrombada esse ano (Foto: Marcelo Praxesdes/Divulgaão)

A Escola Estadual Doutor José Maria Lobato foi arrombada na noite de domingo (28) em Oliveira e imagens de uma das câmeras de segurança ajudam nas investigações. A Polícia Militar (PM) informou que foi acionada por vizinhos que ouviram barulhos. Os ladrões levaram uma das câmeras do local.
Essa é a segunda vez que criminosos entraram na escola esse ano. A diretoria do local informou que as aulas não foram suspensas e ocorreram normalmente nesta segunda-feira (29). Ninguém foi preso e as imagens da câmera instalada perto da sala dos professores ajudarão nas investigações da Polícia Civil.

Duas explosões na mesma fábrica de fogos de artifício deixam feridos em Santo Antônio do Monte, MG.

Duas explosões na mesma fábrica de fogos de artifício deixam feridos

Dois ficaram feridos; um em estado grave e outro perdeu partes de corpo.
Empresa de Santo Antônio do Monte ainda não se posicionou oficialmente.

Ricardo Welbert  
Do G1 

 
Duas explosões em uma fábrica de fogos de artifício deixaram duas pessoas gravemente feridas nesta segunda-feira (29), em Santo Antônio do Monte. De acordo com informações preliminares fornecidas pela Polícia Militar (PM), a primeira ocorreu durante a manhã e vitimou o operário Antônio Márcio da Silveira, de 35 anos, que teve 55% do corpo queimado. Ele foi encaminhado ao Hospital João XXIII, em Belo Horizonte, em estado grave. Ninguém da empresa de fogos se posicionou oficialmente.
Ainda segundo a PM, durante a tarde uma nova explosão na mesma fábrica deixou ferido o funcionário Pedro Geraldo Pinto, de 48 anos. Ele teve um dos pés amputado e parte da perna dilacerada, segundo a PM. A vítima está no pronto-socorro da cidade e aguarda a chegada de um helicóptero dos bombeiros para ser transferida para Belo Horizonte.
"A primeira explosão ocorreu numa espécie de casa de serviço dentro da fábrica. É um local de um metro quadrado, onde cabe apenas uma pessoa. Já o segundo caso foi num ponto de campo aberto. Ainda não sabemos o que ocorreu, mas tudo indica que um funcionário manipulava os explosivos. Ainda estamos registrado as duas ocorrências", informou o sargento Santos, da PM.


Explicações

Por duas vezes, o G1 tentou contato por telefone com a fábrica onde as explosões ocorreram. Uma atendente, que não quis se identificar, disse que a explosão foi pequena e que os funcionários feridos estavam bem. Ela afirmou que não há, até o momento, ninguém capacitado para dar informações oficiais em nome da empresa.

China enfrenta protestos em Hong Kong pró-democracia.

Protestos pró-democracia desafiam Pequim

Em Hong Kong, polícia usa gás lacrimogêneo para dispersar multidão; entenda quem são os grupos que tomaram as ruas nessa região chinesa.

 
Da BBC
 
Manifestantes sentam e deitam na rua durante protesto em Hong Kong, neste domingo (28) (Foto: AP Photo/Vincent Yu) 
Manifestantes sentam e deitam na rua durante protesto em Hong Kong, neste domingo (28)
(Foto: AP Photo/Vincent Yu)
Hong Kong vive dias de tensão em função da disputa sobre como será eleito o próximo líder dessa região chinesa.
Neste domingo (28), a polícia usou gás lacrimogêneo para dispersar milhares de manifestantes pró-democracia no distrito financeiro e imediações do governo local pró-Pequim.

Autoridades locais classificaram a manifestação como "ilegal" e receberam "forte apoio" do governo chinês.
O protesto foi inicialmente organizado pela Federação de Estudantes de Hong Kong, mas recebeu apoio do movimento Occupy Central, que tem incomodado as autoridades chinesas.
O Occupy Central tinha planejado ocupar o movimentado distrito financeiro de Hong Kong na quarta-feira e resolveu antecipar a mobilização para este domingo para se solidarizar com os estudantes, que estão protestando desde sexta-feira.

Milhares de pessoas bloqueiam uma avenida para protestar em Hong Kong  (Foto: AP)Milhares de pessoas bloqueiam uma avenida para protestar em Hong Kong (Foto: AP)

No sábado, a polícia já foi acionada para desalojar a sede do governo, ocupada por estudantes.
Após os confrontos, autoridades locais anunciaram que 78 ativistas foram presos neste domingo e 70 no sábado.
As eleições para o governo local só ocorrerão em 2017, mas no mês passado o governo chinês emitiu uma resolução que lhe permite vetar candidatos.
Ativistas pró-democracia começaram a se mobilizar contra a medida, o que culminou nos confrontos deste fim de semana.
Entenda quem está protestando em Hong Kong e por que o "Occupy Central" incomoda tanto autoridades chinesas:


O que quer o "Occupy Central"?

Trata-se de "um movimento de desobediência civil" proposto por defensores da democracia em Hong Kong e apoiado por grupos estudantis.

Manifestantes e polícia se confrontam neste domingo (28), em Hong Kong (Foto: AP Photo/Vincent Yu)Manifestantes e polícia se confrontam neste
domingo (28), em Hong Kong
(Foto: AP Photo/Vincent Yu)

Os ativistas querem uma reforma política e eleições democráticas que sigam padrões internacionais.
O movimento assegura que pode mobilizar 10 mil pessoas na primeira fase das manifestações.
Ele toma seu nome do movimento "Occupy Wall Street", que em 2011 foi lançado nos EUA para protestar contra a desigualdade social.



O grupo pode ter sucesso em suas demandas?

Hong Kong é uma região administrativa especial dentro da China.
Seus habitantes têm liberdade de expressão e direito de protestar, mas não podem eleger seu governo de forma direta.
Até os organizadores do Occupy Central admitem que é pouco provável que eles possam influenciar as decisões do governo chinês no curto prazo, mas muitos vêem o ato de sair às ruas como uma forma de começar a pressionar pela mudança.
No passado, algumas manifestações de fato tiveram sucesso.
Uma polêmica lei de segurança nacional foi abandonada depois de protestos em 2002, por exemplo.
O governo local também desistiu de obrigar as escolas a darem aula de "educação patriótica" depois de manifestações contra a iniciativa.
A questão é que as exigências do "Occupy Central" e dos estudantes dessa vez são mais ambiciosas: eles pedem mais democracia, o que tende a ser visto como uma afronta direta a autoridade de Pequim.


Pode haver uma escalada de violência?

Os organizadores insistem que seus protestos não pretendem ser violentos.

Pessoas limpam o rosto de um ativista depois de ter sido pulverizado com spray de pimenta. (Foto: Xaume Olleros / AFP Photo)Pessoas limpam o rosto de um ativista depois de
ter sido pulverizado com spray de pimenta
(Foto: Xaume Olleros / AFP Photo)

Neste domingo ocorreram confrontos, mas no fim do dia a Federação dos Estudantes de Hong Kong e Chan Kin-MAn, um dos líderes do Occupy Central, fizeram um apelo para os ativistas se dispersarem, temendo que a polícia pudesse usar balas de borracha contra eles.
Muitas manifestações em Hong Kong de fato são pacíficas e bem organizadas. Mas as tensões têm se acirrado na região nos últimos anos, conforme a política local se torna mais polarizada.
Recentemente, também ocorreram alguns confrontos entre manifestantes pró-democracia e simpatizantes do governo central de Pequim.
Críticos do "Occupy Central" temem que os organizadores não sejam capazes de controlar a multidão - e também é impossível prever que tipo de resposta o governo local pode dar ao movimento.
Em julho, 500 pessoas foram presas por "reunião ilegal" em um protesto pró-democracia visto como um ensaio para o "Occupy Central".


O "Occupy" tem apoio em Hong Kong?

O tema parece dividir opiniões na região.
Tanto as manifestações pró-democracia quanto as que defendem o governo central de Pequim têm reunido milhares de pessoas, mas as últimas são menos comuns - e a mídia local tem publicado que algumas pessoas seriam pagas para participar delas.
Um número significativo de pessoas parece querer mais democracia, mas muitos temem que os protestos possam provocar respostas enérgicas de Pequim ou prejudicar a economia.

Quem são os líderes do Occupy?

Os principais organizadores do movimento são o professor de direito Benny Tai, o professor de sociologia Chan Kin-man e o clérigo Chu Yiu-ming.
Todos são considerados figuras moderadas do movimento pró-democracia de Hong Kong.
O "Occupy Central" também é apoiado por partidos políticos e grupos estudantis, como a Federação dos Estudantes de Hong Kong.
E entre os estudantes, um dos líderes proeminentes é Joshua Wong, preso no sábado, mas já libertado.

Qual o ponto de vista da China?

O Partido Comunista da China não quer que o movimento seja percebido como um desafio a sua autoridade.
O presidente chinês, Xi Jinping, parece ter tomado uma posição mais dura contra dissidências desde que assumiu o poder, em 2013.
E a mídia estatal chinesa recentemente acusou "forças estrangeiras" de se intrometerem nos assuntos de Hong Kong, promovendo "sentimentos separatistas".
Por isso, especula-se sobre a possibilidade de a China se envolver em uma repressão ao "Occupy Central" se não estiver satisfeita com a maneira com a qual autoridades locais estejam lidando com o grupo.
Mas o mais provável é que esse seja apenas um último recurso, tendo em vista as possíveis repercussões internacionais e sobre os negócios de uma intervenção direta.

Polícia utilizou bombas de gás para conter o proteste em Hong Kong (Foto: AFP PHOTO / AARON TAM) 
 Polícia utilizou bombas de gás para conter o proteste em Hong Kong 
(Foto: AFP PHOTO / AARON TAM)

domingo, 28 de setembro de 2014

Após arrastar corpo por 13 km, 'professor está em choque', diz polícia.

Após arrastar corpo por 13 km no RN, 'professor está em choque', diz polícia

Acidente aconteceu na noite da sexta-feira (26) na RN-118, no Vale do Açu.
Segundo delegado, motorista dirigiu de Ipanguaçu a Assu ser ver o corpo.

 
Do G1
 
Segundo a polícia, corpo foi arrastado por 13 quilômetros  (Foto: Francisco Coelho/Focoelho.com)Segundo a polícia, corpo foi arrastado por 13
quilômetros (Foto: Francisco Coelho/Focoelho.com)

Familiares do professor que arrastou embaixo do carro - por 13 quilômetros - o corpo de um homem atropelado no interior do Rio Grande do Norte, prometeram à polícia que ele vai se apresentar nesta segunda-feira (29) para prestar esclarecimentos sobre o acidente. Em contato com o G1, o delegado Delmontiê Falcão disse que o professor "está muito abalado, em estado de choque". 
"Os parentes que conversaram comigo disseram que ele não viu, que nem sabia que havia atropelado alguém. Ele disse que sentiu algo bater embaixo do carro durante o percurso, mas achou que era alguma peça solta, algum problema mecânico. E que não parou o veículo para ver o que era porque já estava muito tarde da noite e que ficou com medo de sofrer algum assalto", explicou. "Os familiares se comprometeram a levá-lo à delegacia na segunda-feira, logo que ele tiver condições emocionais de contar o que aconteceu. Até lá, o carro dele vai permanecer apreendido", acrescentou.
O acidente aconteceu por volta das 23h da sexta-feira (26) na RN-118, perto da comunidade de Bico de Pato, zona rural da cidade de Ipanguaçu, no Vale do Açu. De acordo com o major Assis Santos, comandante da Polícia Militar na região, dois irmãos estavam em uma bicicleta quando foram atingidos pelo carro do professor, um Fiesta. "Além de ter fugido, ele ainda arrastou um dos corpos até a cidade de Assu, que fica a 13 quilômetros do local do atropelamento", afirmou. A outra vítima, que ficou na pista, foi socorrida ao hospital pelo Samu.
O irmão que foi socorrido chama-se José Salviano da Silva. “Ele teve uma fratura na perna e não corre risco de morte”, informou o major. Já o que morreu, foi identificado como Francisco Salviano da Silva, de 47 anos.
Ainda de acordo com o oficial, os parentes do professor ficaram apavorados quando perceberam o corpo sob o veículo e chamaram a polícia. "Fomos ao local, mas o professor não estava mais lá. O Instituto Técnico-Científico de Polícia (Itep) foi à residência e removeu o corpo para perícia em Natal", explicou.