segunda-feira, 23 de junho de 2014

Moradora de Belo Horizonte encontra camisinhas com esperma dentro de caixas de leite.

Moradora de Belo Horizonte encontra camisinhas com esperma dentro de caixas de leite

Rádio Itatiaia
 

A artesã Ledmar Marinho, de 45 anos, moradora da Região do Barreiro, em Belo Horizonte, teve uma surpresa desagradável ao abrir uma caixa de leite da marca Quatá. Ela garante ter encontrado um preservativo com esperma dentro da embalagem. A artesã disse que comprou um fardo com caixas da bebida no dia 4 deste mês, em um supermercado perto de sua residência. Dois dias depois, começou a passar mal, com feridas na língua. Até então, ela não tinha encontrado nada de anormal no leite, que continuou sendo consumido diariamente pela família. 
Ela só descobriu a presença da camisinha dentro da caixa de leite porque abriu a embalagem para usar como vaso de planta. A família já tinha consumido oito caixas da bebida. Depois, abriu mais duas caixas e encontrou mais camisinhas.

“Quando abri a caixa, deparei com uma camisinha cheia de esperma dentro, amarrada e o lote da camisinha também, que é do posto de saúde”, detalhou. “Depois, abri outra caixa, mais uma camisinha. Na terceira caixa, outra camisinha. Estou passando muito mal. Aviso todo mundo para ficar de olho no leite Quatá”, recomendou.

Ainda conforme Ledmar, os filhos também tiveram problemas de saúde. Um com diarreia e outro chegou a urinar sangue. “Comprei a caixa no dia 4. Quando foi lá pelo dia 6 minha língua já estava caindo aos pedaços. Meus filhos tiveram diarreia a semana inteira. E estão com dor no estômago ainda. Um está urinando sangue, após tomar esse leite", contou. 

A mulher acionou a Polícia Civil, que recolheu parte do material para elaboração de um laudo. Além disso, um boletim de ocorrência foi feito.  A família também tentou, sem sucesso, contato com o fabricante. Orientada pelos policiais, ela procurou a Rádio Itatiaia para denunciar o caso e alertar outros consumidores.  A reportagem da Itatiaia também tentou contado com a empresa, mas não conseguiu.

Nenhum comentário:

Postar um comentário