quinta-feira, 29 de maio de 2014

Site sugere que mulheres paguem as compras mostrando os seios.

Site sugere que mulheres paguem as compras mostrando os seios

 iStock

Pagar as compras mostrando os seios? 
Não, obrigada!
O PornHub é um site pornográfico daqueles que começam a pipocar milhares de abas assim que você entra. Esse site cheio de conteúdo adulto resolveu criar uma campanha que ainda não se sabe se é verdade ou apenas uma gracinha para viralizar: um aplicativo em que mulheres podem pagar compras mostrando os seios.
“Nossa, que legal, ia ser ótimo se eu pudesse pagar compras assim”, dizem os homens. Mas a coisa não tem graça, na verdade. Sabe por quê? Por ao redor daquele negócio chamado peitos (ou vagina) existe algo maior. É chamado de mulher. Um ser humano com cérebro, capacidade de ganhar dinheiro e pagar suas contas – mesmo ganhando menos que homens na mesma função – e que não precisa mostrar o corpo para ter o que quer. Tem gente que ainda não sabe disso...

A ideia dos caras é que basta a mulher chegar em um lugar, mostrar os seios, o caixa tira uma foto e pronto, conta paga. Essa foto, em que o rosto da mulher não aparece – afinal, quem se interessa por uma mulher quando tem peitos? - iria para um site pago e o dinheiro ganho com as visualizações seria doado para campanhas contra o câncer de mama. Nossa, que caras legais.
Não, eles não são legais. E, não, a gente não quer poder comprar nada com nossos seios, a gente quer ganhar salários equivalentes aos masculinos na mesma função, a gente quer poder andar na rua sem ouvir gracinhas e quer mostrar nossos peitos apenas para quem a gente tem vontade.
Lembrando: ao redor de vaginas e peitos existem mulheres. Se você começar a olhar o todo vai notar que elas, inclusive, se parecem com a sua mãe. Agora não ficou nada legal objetificar assim, né?
E, sim, várias mulheres adorariam pagar com os peitos. E elas têm esse direito. A questão é: quando todas as mulheres forem tratadas com respeito, sem serem consideradas apenas um playground sexual, as que querem ser um parque de diversões do tesão poderão ser numa boa e as outras poderão ser o que quiserem. As escolhas são livres, mas quem diz como quer viver são as mulheres, não os homens.

Nenhum comentário:

Postar um comentário