terça-feira, 6 de maio de 2014

Jovem morre de câncer raro decorrente de gravidez dois meses após dar à luz gêmeas.

Jovem morre de câncer raro decorrente de gravidez dois meses após dar à luz gêmeas

 
O casal posou durante a gravidez Foto: Reprodução / Facebook

Uma norte-americana que lutava contra um tipo muito raro de câncer relacionado à gravidez morreu nesta segunda-feira, apenas dois meses após dar à luz gêmeas prematuras. Jenna Hinman, de 26 anos, estava hospitalizada para enfrentar o coriocarcinoma, tipo de câncer agressivo que tem origem na placenta, desde de o parto de Kinleigh e Azlynn, aos sete meses de gravidez, em 3 de março deste ano.

Kinleigh e Azlynn nos braços da mãe, no hospital
 
Kinleigh e Azlynn nos braços da mãe, no hospital Foto: Reprodução / Facebook
 

As gêmeas Kinleigh e Azlynn, em ensaio fotográfico
 
As gêmeas Kinleigh e Azlynn, em ensaio fotográfico Foto: Reprodução / Facebook
 
“Jenna lutou contra essa doença com tudo que podia, e nós estamos tão orgulhosos da sua coragem impressionante e por ela ter abençoado o mundo com duas anjinhas”, escreveu uma de suas melhores amigas que administra a página “Prayers for Jenna”, ou “Orações por Jenna”, no Facebook, com quase 300 mil curtidas.
A jovem, que era casada com o sargento do exército Brandon Hinman, ainda contraiu uma pneumonia no último fim de semana. Desde que havia iniciado o tratamento contra o câncer, seu corpo reagia bem, embora lentamente. Na manhã de segunda, suas amigas explicaram que ela estava esperando o medicamento que combateria a infecção fazer efeito, mas Jenna não conseguiu sobreviver.

Jenna e Brandon tiveram duas filhas gêmeas
 
Jenna e Brandon tiveram duas filhas gêmeas Foto: Reprodução / Facebook
 

Kinleigh e Azlynn nos braços da mãe, no hospital
 
Kinleigh e Azlynn nos braços da mãe, no hospital Foto: Reprodução / Facebook

Jenna foi ao hospital, em Syracuse, nos Estados Unidos, quando sentiu dificuldade para respirar, em março deste ano. Os exames revelaram que o câncer já estava no estágio 3 e tinha espalhado vários tumores pelo seu corpo, inclusive seus pulmões. Ela rapidamente fez uma cesárea, e as gêmeas vieram ao mundo pesando apenas 1,4 quilo. Nesses dois meses de vida, elas já se recuperaram bem.
Desde 6 de março, Jenna passou a maior parte do tempo em um coma induzido, acompanhada de perto pela família e pelos amigos. Brandon levava as gêmeas para visitar a mãe quase diariamente, mesmo quando ela estava inconsciente. Além da página no Facebook, também foi criado um site de arrecadação de fundos para ajudar a cobrir as despesas médicas, que chegaram a cerca de US$ 170 mil dólares.

Nenhum comentário:

Postar um comentário