quarta-feira, 21 de maio de 2014

Filme com cena gay ganha carimbo e causa polêmica.

Carimbo em ingresso de filme com cena gay gera polêmica na Paraíba

Cinépolis disse que carimbo se refere ao uso da carteira de estudante.
Usuário acredita que alerta é sobre cena de sexo entre homossexuais.

Wagner Lima Do G1
 
Carimbo de 'avisado' em ingresso de cinema gera polêmica na Paraíba (Foto: Reprodução/Facebook.com)Professor acredita que aviso alerta no caixa do
cinema sobre cena de sexo entre dois homens
(Foto: Reprodução/Facebook)
 
 
Carimbo de 'avisado' em bilhete do filme 'Praia do Futuro', do cineasta Karim Aïnouz , gera polêmica entre público de cinema em João Pessoa. Alguns clientes estão relacionando o carimbo ao alerta de que o filme tem romance homossexual entre dois personagens. A crítica à abordagem da bilheteria foi feita pelo professor de turismo, Iarlley Araújo, após ser indagado se tinha certeza de que assistiria ao filme no ato da compra do ingresso. Ele postou em algumas redes sociais um desabafo questionando a abordagem.
O supervisor do Cinépolis em João Pessoa, Ronaldo Rodrigues, informou que houve um mal entendido. Segundo ele, o “avisado” é carimbado no ingresso quando a meia-entrada é comprada sem que a carteira de estudante seja apresentada. Nesse caso, o aviso serve para que o cliente apresente a carteira posteriormente.
Por conta da polêmica nas salas de exibição, a FanPage no Facebook 'Praia do Futuro – Filme' postou, no início da tarde desta quarta-feira (21) um alerta: “Avisos? Nós temos três! Avisos: 1- Sim, há cena de sexo gay em Praia do Futuro. 2- Elas são maravilhosas. 3- O filme está em cartaz nos cinemas”. A faixa indicativa divulgada pela divulgação do filme na FanPage é a de 14 anos.
Iarlley Araújo contou que foi na segunda-feira (19) ao Cinépolis, no Manaíra Shopping, no bairro de Manaíra, assistir ao filme e acabou sendo questionado pela atendente. “A funcionária me perguntou se eu tinha certeza de que queria assistir esse filme porque ele tinha cenas de sexo homossexual e muita gente estava saindo das aulas após o começo da exibição”, ressaltou.
Saí de lá sem saber se esse carimbo era um aviso negativo ou positivo"
Iarlley Araújo, professor de turismo
O professor de turismo disse que o carimbo 'avisado' o fez questionar se era bom, ruim ou referente à informação das cenas de sexo para evitar ressarcimento do valor do ingresso. “Saí de lá sem saber se esse carimbo era um aviso negativo ou positivo. Eu analisei como negativo porque não se carimba filmes com cenas de violência. Por que não carimbam bilhetes de filmes que tem cenas de violência e sexo animal? Se é para tratar de um contexto social vamos tratar também dessa mesma forma os outros temas”, questionou.
O advogado Murilo Soares foi no domingo no Cinépolis assisti o filme 'Praia do Futuro' e relatou que pagou meia-entrada, mas não teve o bilhete carimbado, nem houve abordagem sobre o conteúdo do filme por parte dos funcionários. “Comprei o ingresso em cima da hora e apenas solicitei meia-entrada para Praia do Futuro. Fui atendido com a mesma pressa, sem qualquer ressalva do atendente, e sem carimbo nenhum no ingresso. Aliás, meus ingressos nunca foram carimbados com esse "avisado", afirmou.
Segundo Murilo Soares, pode ser que isso tenha ocorrido após muitos clientes terem abandonado a sala de cinema durante a exibição de 'Praia do Futuro'. “Talvez o pecado do filme seja não dizer em letras garrafais no cartaz que tem romance homossexual. Acho que esse aviso começou a ser dado depois, então, por isso, não chegou até a mim. Mas, se tivesse chegado a todo mundo não teria havido tanta retirada das pessoas no meio da sessão. Umas 15 pessoas saíram da sala durante a sessão que assisti. Uma idosa desceu as escadas relatando que tinha escolhido o filme errado e que já era velha. Vi a cena e gargalhei”, contou.


Representantes do filme usaram sua fanpage para rebater polêmica (Foto: Reprodução/Facebook.com) 
Representantes do filme usaram sua fanpage para rebater polêmica 
(Foto: Reprodução/Facebook)
 

'Mal entendido'

Iarlley Araújo contestou a informação do servidor do Cinépolis. A carteira, segundo ele, foi apresentada no ato da compra da meia-entrada, no entanto, na hora de ter acesso à sala de cinema não houve cobrança do documento.
“Sempre compro meia-entrada e nunca deram carimbo no bilhete. Apresentei a carteira de estudante para comprar e em nenhum momento me pediram carteira na hora de entrar na sala.”, frisou.
Ronaldo Rodrigues disse que o cliente só é avisado de que existem cenas de insinuação de sexo no filme se ele quiser entrar com alguém com idade menor que a classificação indicativa. “Se o pai quiser entrar com uma criança ou um adolescente, a gente orienta que o filme é impróprio, mas se mesmo assim o pai autoriza, deixamos entrar”, explicou. Segundo o supervisor, a classificação foi alterada de 14 para 16 anos nesta terça-feira (20).


'Praia do Futuro' - Sinopse

O salva-vidas Donato (Wagner Moura) resgata Konrad (Clemens Schick), alemão piloto de moto velocidade, de um afogamento na Praia do Futuro. Os dois se apaixonam e Donato vai embora, deixando pra trás o irmão mais novo Ayrton (Jesuíta Barbosa) e a família. Oito anos depois, Ayrton se aventura em Berlim na busca do irmão desaparecido, seu grande herói.

Nenhum comentário:

Postar um comentário