quarta-feira, 30 de abril de 2014

Na Papuda, detento José Dirceu assistiu a futebol na TV de plasma.

Papuda: nesta terça, na cela do detento 95.413, teve futebol na TV de plasma

José Dirceu recebeu visita de deputados no presídio da Papuda. Em cela especial, petista tem direito a micro-ondas, TV e chuveiro quente

Marcela Mattos, de Brasília
DENTRO DA PAPUDA - Condenado a sete anos e onze meses de prisão por crime de corrupção, o ex-ministro José Dirceu passa a maior parte do tempo na biblioteca do presídio
DENTRO DA PAPUDA - Condenado a sete anos e onze meses de prisão por crime de corrupção, o ex-ministro José Dirceu passa a maior parte do tempo na biblioteca do presídio 


Nesta terça-feira, uma comissão de deputados federais de diferentes partidos fez uma visita ao mais influente detento da Penitenciária da Papuda, no Distrito Federal, o ex-ministro José Dirceu. O objetivo do grupo, formado majoritariamente por aliados do petista, era tentar atestar que o petista não detém regalias na cadeia e pressionar a Justiça a liberá-lo para trabalhar fora da Papuda durante o dia. Mas não foi o que ocorreu. Ao chegar ao presídio, os parlamentares encontraram o detento 95.413 em uma cela privilegiada, eufórico diante de uma televisão de plasma que exibia a vitória do Real Madrid sobre o Bayern de Munique pela Liga dos Campeões da Europa.
“Estou assistindo ao Real dar uma surra no Bayern”, disse o mensaleiro, sorridente, ao receber a comitiva em sua cela – o time espanhol goleou o rival alemão por 4 a 0.
Segundo relato do deputado Arnaldo Jordy (PPS-PA), a cela do petista é a maior do complexo, equipada com micro-ondas, chuveiro quente, televisão e uma cama diferente das demais. Dirceu foi colocado em um espaço de 23 m² no Centro de Internamento e Reeducação (CIR), cujas celas têm padrão de 15 m² e reúnem até quatro detentos. O local servia de cantina, mas passou por uma reforma para receber o ex-ministro.
“A cela do Dirceu é completamente diferente das outras que a gente viu, não há dúvidas. Vimos pessoas com deficiência física que deveriam ficar separadas porque os presos pegam parte da cadeira de rodas para fazer armas. Mas elas seguem misturadas, dormem em colchões piores e tomam banho em chuveiro frio”, afirmou a deputada Mara Gabrilli (PSDB-SP), que é cadeirante.

Os deputados de oposição reclamaram que o coordenador-geral da Sesipe (Subsecretaria do Sistema Penitenciário), João Feitosa, impôs uma série de restrições durante a visita: "Ele queria nos mostrar a cantina, as melhores celas e que seguíssemos o roteiro definido por ele. Disse ainda que não poderíamos ir a outros setores por falta de acessibilidade para a deputada Mara", disse Jordy. Após a insistência, foram liberados três dos cinco parlamentares para visitar outras alas da penitenciária – inclusive a própria Mara Gabrilli, que negou ter enfrentado dificuldades durante o trajeto.

Além de Jordy e Mara Gabrilli, integraram a comitiva os deputados Nilmário Miranda (PT-MG), Luiza Erundina (PSB-SP) e Jean Wyllys (PSOL-RJ).


Podólogo

No mês passado, VEJA revelou uma série de mordomias de Dirceu na Papuda. O petista passa a maior parte do dia no interior de uma biblioteca onde poucos detentos têm autorização para entrar. Lá, ele gasta o tempo em animadas conversas, especialmente com seus companheiros do mensalão, e lê em ritmo frenético para transformar os livros em redações, o que lhe pode garantir dias a menos na cadeia. O ex-ministro só interrompe as sessões de leitura para receber visitas – incluindo um podólogo –, muitas delas fora do horário regulamentar e sem registro oficial algum, e para fazer suas refeições, especialmente preparadas para ele e os comparsas.
Comandada pelo PT, a Comissão de Direitos Humanos da Câmara aprovou a diligência até a Papuda com o objetivo de negar a existência de benefícios aos condenados no julgamento do mensalão e, dessa forma, evitar sanções aos mensaleiros. Além de pressionar pela liberação do trabalho externo para Dirceu, petistas temem que seus companheiros sejam transferidos para uma penitenciária com regime mais duro.
Dirceu está sendo investigado pela Justiça por ter usado um celular dentro da cadeia do secretário da Indústria, Comércio e Mineração do governo da Bahia, James Correia, no dia 6 de janeiro. O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Joaquim Barbosa, cobrou investigações sobre essa e outras regalias de Dirceu e aguarda um parecer para decidir sobre a autorização para ele trabalhar em um escritório de advocacia.

Prazo do IR termina hoje; mande incompleto para evitar multa.

Prazo do IR termina hoje; mande incompleto para evitar multa

Na pressa, contribuinte pode não encontrar documentos necessários.
Multa mínima é de R$ 165,74, mas pode atingir 20% do imposto devido.

Alexandro Martello Do G1

 


Tic-tac. O prazo para declarar o Imposto de Renda está acabando: termina às 23h59 desta quarta-feira (30). Se você deixou para a última hora, como muitos brasileiros, é hora de correr.
Mesmo não tendo todas as informações necessárias em mãos, os especialistas recomendam que os contribuintes mandem a declaração ainda hoje para evitar a multa do Fisco – que varia de R$ 165,74 a 20% do imposto devido.
Depois, em posse de todos os documentos e informações necessárias, o contribuinte deve fazer uma declaração retificadora para evitar a malha fina do Leão.
"Caso ainda falte alguma informação, providencie a entrega a declaração dentro do prazo para evitar a multa pela não entrega e a retifique assim que possível", afirmou a coordenadora de imposto de renda da H&R Block, Eliana Lopes.
A mesma recomendação foi feita pelo diretor executivo da Confirp Consultoria Contábil, Richard Domingos. "Diferente do que muitos pensam, a entrega desta forma [incompleta] não significa que a declaração irá automaticamente para a malha fina", disse ele.


Declaração retificadora

Após o fim do prazo do IR, porém, os contribuintes deverão fazer a declaração retificadora com "muito mais cuidado", disse Richard Domingos, da Confirp, pois, segundo ele, as chances de cair na malha fina "serão maiores".
"A declaração retificadora também é válida em caso de problemas na declaração já entregue pelo contribuinte; nela os erros serão corrigidos. O prazo para retificar a declaração é de cinco anos, mas é importante que o contribuinte realize o processo rapidamente, para não correr o risco de ficar na malha fina", observou Domingos.
Segundo Eliana Lopes, da H&R Block, o contribuinte deve fazer o "download", do site da Receita Federal, do programa relativo ao ano-calendário correspondente (DIRPF) para fazer a declaração retificadora e pode apresentá-la  pela internet – através do programa de transmissão Receitanet.
"Importante mencionar que, após 30 de abril, o contribuinte não poderá alterar a opção de tributação escolhida na declaração original. Ou seja, não pode alterar de modelo simplificado para completo, ou vice-versa", acrescentou Eliana Lopes, da H&R Block.

Condenado agoniza antes de morrer após falha em injeção letal nos EUA.

Condenado agoniza antes de morrer após falha em injeção letal nos EUA

Caso ocorreu na noite desta terça-feira (29) em prisão de Oklahoma.
Problema fez diretor de presídio suspender execução de outro detento.

Do G1

Clayton Lockett (esquerda) e Charles Warner, os dois condenados á morte em Oklahoma. (Foto: REUTERS/Oklahoma Department of Corrections/Handout) 
Clayton Lockett (esquerda) e Charles Warner, os dois condenados á morte em Oklahoma. 
(Foto: REUTERS/Oklahoma Department of Corrections/Handout)
 
 
Um condenado à morte por injeção letal agonizou por mais de 30 minutos devido a complicações durante a execução da pena em Oklahoma, nos Estados Unidos, na noite desta terça-feira (29). Segundo as autoridades penitenciárias, o corpo do homem teve rejeição à substância aplicada e ele morreu devido a um ataque cardíaco. A falha fez as autoridades adiarem a execução de um segundo detento, prevista para ocorrer em seguida.

Segundo o jornal local "The Oklahoman", Clayton Lockett, de 38 anos e condenado à morte pelo assassinato de uma jovem de 19 anos em 1999, se contorceu e teve convulsões quando recebeu a injeção, que continha uma combinação de substâncias que nunca havia sido utilizada em Oklahoma, antes de morrer.

O diretor de prisões, Robert Patton, ordenou a suspensão da execução de Clayton Lockett cerca de três minutos após a aplicação da injeção. Era a primeira vez que o medicamento midazolam era utilizado como parte de uma injeção – que continha três substâncias – em Oklahoma. A execução de Lockett cumpria um inédito protocolo de injeção letal, incluindo três produtos: um sedativo, um anestésico e uma dose letal de cloreto de potássio.

Em março, os advogados de Lockett haviam conseguido o adiamento de sua execução por falta de anestésico para a aplicação da injeção intravenosa, mas o estado obteve a substância e decidiu mudar o procedimento de execução.

Diante do ocorrido, o diretor decidiu adiar, por 14 dias, a execução de Charles Warner, prevista para ocorrer na mesma norte, segundo informou Jerry Massie, porta-voz das prisões de Oklahoma, à agência de notícias France Presse. Warner recebeu a pena capital em 1997 pelo estupro e assassinato da filha de onze meses de sua companheira.

Esta seria a primeira execução dupla nos Estados Unidos no século XXI, já que a última vez em que a pena capital foi aplicada em dois condenados no mesmo dia foi em 9 de agosto de 2000, no Texas. Além disso, essa seria a primeira execução dupla no estado de Oklahoma desde 1937.
Nos últimos meses, aconteceram vários episódios de complicações na aplicação da pena de morte nos Estados Unidos. A maioria dos 32 estados onde a pena capital está em vigor no país estão tendo problemas para conseguir as substâncias com as quais são feitas as injeções letais convencionais. Com isso, alguns estados estão testando fórmulas alternativas e outros, inclusive, determinaram o uso obrigatório da cadeira elétrica se não houver medicamentos disponíveis.

Oklahoma mudou a lei que regulamenta a aplicação da pena de morte no final de março e permitiu o uso de cinco diferentes combinações de substâncias na injeção letal, após os problemas que ocorreram em suas primeiras execuções do ano.
No início de abril, o estado informou aos advogados dos condenados que utilizaria uma injeção letal com o anestésico midazolam, o paralisante brometo de pancurônio e cloreto de potássio, que interrompe o ritmo cardíaco.
Lockett e Warner processaram o estado por não terem recebido informações sobre onde o estado tinha adquirido os medicamentos, nem evidências de que estes remédios fossem seguros. A Suprema Corte de Oklahoma suspendeu então as execuções de ambos os réus, mas acabou cancelando sua decisão.

Atriz pornô faz plásticas e fica com ‘rosto de funil’.

Atriz pornô japonesa faz plásticas e fica com ‘rosto de funil’

Extra online

A comparação de Rina antes e depois das cirurgias plásticas
 
A comparação de Rina antes e depois das cirurgias plásticas 
Foto: Reprodução / Twitter

Uma atriz pornô japonesa ficou irreconhecível após fazer uma série de cirurgias plásticas. Rina Nanase, que usa o nome Rumi Kanda profissionalmente, afinou tanto o maxilar que seu rosto ficou com o formato parecido com o de um funil.

A atriz ficou totalmente diferente após as cirurgias
 
A atriz ficou totalmente diferente após as cirurgias Foto: Reprodução / Twitter
 

Internautas apontaram a semelhança com o elfo doméstico Dobby
 
Internautas apontaram a semelhança com o elfo doméstico Dobby
 
Na internet, fãs do trabalho da japonesa se apressaram em criticar as mudanças. Vários comentários apontavam a semelhança entre a atriz de filmes eróticos e Dobby, o elfo doméstico da série Harry Potter. Apesar disso, após algumas camadas de maquiagem e uma boa produção, Rina voltou a fazer sucesso entre seus seguidores.

Rina produzida
 
Rina produzida Foto: Reprodução / Facebook
 

Rina produzida após as cirurgias
 
Rina produzida após as cirurgias Foto: Reprodução / Facebook

terça-feira, 29 de abril de 2014

Mortes por obesidade triplicam no Brasil em 10 anos.

Mortes por obesidade triplicam no Brasil em 10 anos

Em 2011, 2.390 óbitos tiveram a doença como causa, um crescimento de 196% em relação a 2001

Obesidade
Obesidade: levantamento do Ministério da Saúde mostrou que mais da metade dos adultos brasileiros tem sobrepeso e pelo menos 17% da população está obesa (Thinkstock)

 
O número de brasileiros mortos por complicações diretamente relacionadas à obesidade triplicou em um período de dez anos, revela levantamento inédito feito pelo Estadão Dados com base em informações do Datasus. Em 2001, 808 óbitos tiveram a doença como uma das causas. Em 2011, último dado disponível, o número passou para 2.390, crescimento de 196%.
O aumento também foi significativo quando considerada a taxa de mortos por 1 milhão de habitantes. No mesmo período de dez anos, a taxa dobrou. Foi de 5,4 para 11,9, segundo informações do Ministério da Saúde. Os dados levam em consideração as mortes nas quais a obesidade aparece como uma das causas no atestado de óbito. Segundo especialistas, como o excesso de peso é fator de risco para diversos tipos de doenças, como câncer e diabetes, o número de vítimas indiretas da obesidade é ainda maior.
"As causas mais comuns de morte relacionadas à obesidade são as doenças cardiovasculares, como o enfarte e o acidente vascular cerebral (AVC). Sabemos, porém, que ela também está relacionada a muitos outros problemas, como apneia do sono, insuficiência renal e vários tipos de câncer", afirma o endocrinologista Mario Carra, presidente da Associação Brasileira para o Estudo da Obesidade e da Síndrome Metabólica (Abeso).
Segundo o Ministério da Saúde, o aumento das mortes é um reflexo da "epidemia de obesidade" registrada hoje no país. "Outros países viveram isso primeiro, com alto consumo de alimentos industrializados e sedentarismo. O Brasil, ainda que mais tarde, está vivendo agora. Pesquisas feitas anualmente pelo ministério mostram que a obesidade e o sobrepeso têm aumentado muito", afirma o secretário de Atenção à Saúde do ministério, Helvécio Magalhães. O último levantamento da pasta mostrou que mais da metade dos adultos brasileiros tem sobrepeso e pelo menos 17% da população está obesa.


Hábitos

Para especialistas, não é só a mudança de hábitos dos brasileiros que aumentou a mortalidade por obesidade. De acordo com Marcio Mancini, chefe do grupo de obesidade e síndrome metabólica do Hospital das Clínicas de São Paulo, as políticas públicas de prevenção e tratamento devem ser aprimoradas. "Não se faz prevenção em unidades básicas de saúde. Há o tratamento para diabetes, colesterol, hipertensão, mas pouco se faz para barrar o ganho de peso. Essa mesma preocupação deveria existir nas escolas", afirma ele.
De acordo com o especialista, quanto mais cedo se instala a obesidade, mais cedo a pessoa pode morrer. "Se uma pessoa já tem obesidade mórbida com 20 anos e permanece assim, a doença vai encurtar a vida desse paciente em 12 anos", diz ele. Para Maria Teresa Zanella, endocrinologista da Unifesp, é preciso mudar os hábitos desde a infância. "As crianças vivem em apartamento, jogam videogame e comem produtos industrializados. São alimentos que têm um sabor agradável e as crianças vão se acostumando, mas isso deve ser evitado", diz ela.
Além da prevenção falha, os médicos apontam estrutura insuficiente para o tratamento da obesidade. "O SUS não oferece o tratamento medicamentoso, e os centros de referência para cirurgia bariátrica não dão conta da demanda", diz Mancini. Em março, pelo menos 3.000 obesos de várias regiões do Brasil lotaram o ginásio da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) para passar por triagem em busca de cirurgia bariátrica. A fila de espera tem 2.000 pessoas.
(Com Estadão Conteúdo)

Delegada de BH cita música de Valesca Popozuda após atirar em criminoso.

Delegada cita música de Valesca Popozuda após atirar em criminoso

'Bateu de frente comigo é tiro, porrada e bomba', escreveu Rosely Baeta.
Post foi feito em uma rede social após delegada reagir a um assalto.

Pedro Triginelli e Pedro Ângelo Do G1 


Delegada aposentada segurando pistola
(Foto: Rosely Baeta/ Arquivo Pessoal)
Delegada aposentada segurando um revólver. (Foto: Rosely Baeta/ Arquivo Pessoal) A delegada aposentada Rosely Baeta Neves, de 48 anos, reagiu a um assalto nesta quinta-feira (24) no bairro Palmares, na Região Nordeste de Belo Horizonte, e acertou dois tiros no suspeito. No mesmo dia, ela colocou um post em uma rede social em que cita a cantora Valesca Popozuda para relatar o acontecido. "Fecho a noite com a frase da pensadora contemporânea Valesca Popozuda, ‘bateu de frente comigo é tiro, porrada e bomba’", escreveu.
Ainda no mesmo post, a delegada contou um pouco sobre o assalto. "Hoje um assaltante colocou uma pistola .40 na minha cabeça e anunciou o assalto, querendo levar meu carro uma ASX Mitisubishi. Eu como sou predadora, e usando meu instinto policial, agi com frieza, e no momento oportuno, saquei da minha amiga inseparável (minha 45) e sentei o dedo, ouve troca de tiro [...] sai ilesa, e o bandido, ficou na horizontal", escreveu.
Em conversa com o G1, Rosely explicou que escreveu o post porque se identifica muito com a frase da música de Valesca Popozuda. Ela contou que foi abordada pelo suspeito em uma motocicleta na porta de casa. "A hora que desci, ele ia entrar no carro. Saquei a arma e disse que era da policia. Ele assustou e disparou, mas o tiro passou próximo ao meu rosto. Ele saiu correndo e corri atrás dele. Disparei quatro vezes e dois acertaram", falou.
A delegada está aposentada há oito meses, depois de 27 anos de serviço. Segundo ela, após os tiros, o suspeito fugiu, mas deixou a motocicleta. Após rastrear a placa, a polícia chegou até a casa do homem.
Rosely afirmou que o homem foi encontrado em uma Unidade de Pronto-Atendimento, em Belo Horizonte, e que ele teria participado de dois roubos. A Polícia Militar (PM) informou que a motocicleta foi levada para o pátio do Departamento Estadual de Trânsito de Minas Gerais (Detran-MG).

Na noite desta segunda, o superintendente de Investigação e Polícia Judiciária, Jeferson Botelho, disse ao G1 que policiais aposentados não estão sob a responsabilidade da Polícia Civil e que, por isso, não sofrem penalidade administrativa.

“O delegado que presidir o inquérito, ao fim das apurações, vai analisar a conduta das pessoas envolvidas no enredo. Vai apontar se o autor praticou ou não uma conduta criminosa, se a vítima agiu ou não em legítima defesa”, afirmou Botelho.

De acordo com ele, a pessoa que sofre uma tentativa de assalto só deve reagir se estiver segura de seus atos. “Se houver qualquer dúvida o melhor é não reagir. E só o fazer se estiver seguro. E ela, como policial treinada que sempre foi, entendeu por bem reagir”, declarou o superintendente sobre a delegada aposentada.

Coreia do Norte inicia manobras com fogo real perto da fronteira com o Sul.

Coreia do Norte inicia manobras com fogo real perto da fronteira com o Sul

Exército norte-coreano notificou com antecedência Sul sobre manobras.
Sul-coreanos levaram para refúgios moradores de ilhas no Mar Amarelo.

Da EFE


A Coreia do Norte iniciou nesta terça-feira (29) um exercício militar com fogo real em suas águas do Mar Amarelo (Mar Oriental) perto da fronteira com o Sul, informou o governo sul-coreano, que retirou moradores de ilhas próximas aos testes.
O Exército norte-coreano, que notificou - com horas de antecedência - às Forças Armadas da Coreia do Sul sobre as manobras, começou a lançar projéteis de artilharia nas proximidades da Linha Limite do Norte (LLN) por volta das 14h locais (2h de Brasília), informou à Agência Efe um porta-voz do Ministério da Defesa de Seul.
Em resposta, a Coreia do Sul intensificou sua preparação militar ao enviar navios de guerra e aviões de vigilância e de combate para as cercanias do local, caso ocorra algum tipo de ameaça à segurança do país.

Noticiário na TV sul-coreana informa sobre manobras militares da Coreia do Norte. (Foto: Lee Jin-man / AP Photo) 
Noticiário na TV sul-coreana informa sobre manobras militares da Coreia do Norte. 
(Foto: Lee Jin-man / AP Photo)
 
 
Além disso, milhares de moradores de suas ilhas do Mar Amarelo próximas da fronteira, entre elas a de Yeonpyeong - que foi bombardeada pelo Exército norte-coreano em 2010 causando quatro mortes -, foram levados para refúgios subterrâneos.
O porta-voz do Ministério da Defesa sul-coreano classificou as manobras da Coreia do Norte como uma 'provocação' e anunciou que investiga quais são as intenções de Pyongyang. Além disso, prometeu 'reagir com firmeza se algum dos projéteis cair nas águas da Coreia do Sul'.
No dia 31 de março o Exército Popular lançou alguns projéteis sobre as águas da Coreia do Sul na mesma região onde está programado o exercício norte-coreano desta terça, o que provocou uma troca de tiros no mar, mas quer não teve consequências maiores.
As manobras norte-coreanas na península da Coreia acontecem apenas três dias depois da visita do presidente americano Barack Obama a Seul, que reiterou no fim de semana seu compromisso com o governo da Coreia do Sul de fazer frente a qualquer 'provocação' de Pyongyang.
O regime de Kim Jong-un, do qual existem suspeitas de que poderia estar preparando um novo teste nuclear, respondeu com fortes críticas à visita do titular da Casa Branca, a quem acusou de realizar uma agressiva campanha de intimidação militar e difamação contra seu país.
Em março, a tensão voltou a crescer na região com os exercícios militares conjuntos anuais Key Resolve e Foal Eagle de Seul e Washington, que foram respondidos por Pyongyang com suas próprias manobras militares e testes com o lançamento de mísseis de curto e médio alcance.
Os dois países da península coreana permanecem tecnicamente em conflito desde a Guerra da Coreia (1950-53), que terminou com um armistício que nunca foi substituído por um tratado de paz definitivo.

Bactérias podem ser chave para perda de peso, diz estudo chinês.

Bactérias podem ser chave para perda de peso, diz estudo chinês

Pesquisadores dizem que alterar flora bacteriana no intestino talvez seja mais efetivo para emagrecimento do que cortar calorias.

Da BBC
 
 
Estuda-se se alterar tipos de bactérias nas vísceras pode trazer mais resultados do que reduzir calorias (Foto: PA/BBC) 
Estuda-se se alterar tipos de bactérias nas vísceras pode trazer mais resultados do que reduzir calorias (Foto: PA/BBC)
Na busca constante por soluções efetivas para o problema da obesidade, cientistas chineses estão estudando o impacto de certas bactérias sobre o peso da pessoa. A equipe disse que alterar os tipos de bactérias encontradas nas vísceras pode trazer mais resultados do que simplesmente reduzir calorias.
Segundo estatísticas divulgadas pela Organização Mundial de Saúde, mais de 1,4 bilhão de adultos com idade a partir de 20 anos estavam acima do peso em 2008. Destes, 200 milhões de homens e 300 milhões de mulheres foram classificados como obesos. E os índices continuam crescendo - eles dobraram desde 1980.
Testes com ratos em laboratório identificaram uma associação entre bactérias e obesidade, mas experimentos com humanos ainda estão em fase inicial.


Alcachofra e tofu

Em um estudo publicado na revista científica "Microbiology Ecology", cientistas em Xangai estudaram 93 pessoas obesas com Índice de Massa Corporal (IMC) médio de 32.
O IMC se baseia no peso e altura de uma pessoa para determinar se ela está dentro dos padrões ideais de saúde. Um IMC de 32 kg/m2 corresponde ao que os especialistas classificam como obesidade grau 1. A categoria máxima, ou grau 3, inclui pessoas com IMC acima de 40.
Além de seguirem uma dieta saudável - rica em legumes, verduras, alcachofra e tofu - os participantes consumiram suplementos que estimulavam o crescimento de certos tipos de bactérias em seus intestinos e inibiam outros.
De tempos em tempos, eles eram medidos e pesados, preenchiam questionários detalhando o que haviam comido nas últimas 24 horas e eram submetidos a exames físicos.
Após nove semanas, os participantes tinham perdido em média 5 kg cada um. Um grupo menor de voluntários (45% deles) prosseguiu com a dieta. Ao fim de 23 semanas, tinham perdido em média 6 kg cada um.
Um paciente com obesidade grau 3 que participou de um estudo anterior ao experimento descrito acima, perdeu 51 kg em seis meses.
Segundo o estudo, índices da proteína C reativa, associada a obstruções nas artérias e danos em vasos sanguíneos no coração, também foram reduzidos durante o experimento.
No entanto, os pesquisadores chineses admitiram que não é possível saber com certeza se todos os efeitos observados foram resultado da manipulação das bactérias no intestino dos participantes.


Interação complexa

Um dos pesquisadores envolvidos no projeto, Liping Zhao, da Shanghai Jiao Tong University, disse que índices mais altos, no intestino, de bactérias que produzem toxinas, como as enterobactérias, podem levar o organismo a desenvolver resistência à insulina, impedindo que a pessoa se sinta satisfeita após comer.
Em vez de uma cumbuca de arroz, essa pessoa precisa de cinco, dez ou até 20 cumbucas, ele explicou. Zhao acrescentou que alterar o tipo de bactéria presente no intestino pode também ativar um gene que faz o corpo queimar gordura.
"Está na hora de o público saber das evidências científicas que temos, que demonstram que bactérias têm um papel central na obesidade."
Outros cientistas comentam, no entanto, que as milhares de espécies de bactérias que vivem no nosso organismo interagem com nossos corpos de forma complexa, e que mais estudos são necessários para que possamos entender melhor como as coisas funcionam.
O pesquisador Stephen Bloom, do Imperial College London, disse: "Existem dez vezes mais bactérias no organismo do que células".
Não há dúvida de que alterar os tipos de bactérias nos corpos das pessoas pode trazer efeitos significativos, ele acrescentou. Por exemplo, a disenteria introduz bactérias diferentes no intestino, levando à perda de peso. Mas Bloom disse que pessoas de países diferentes tendem a ter bactérias diferentes, o que dificulta a comparação.
E além disso, como houve uma alteração na dieta, fica difícil identificar com precisão o que levou ao emagrecimento, ele concluiu.
A diretora do órgão inglês de saúde pública Public Health England, Alison Tedstone, disse: "Acima de tudo, a obesidade tem a ver com um consumo maior de calorias do que o que se gasta. Muitas coisas interferem no tipo de bactéria que temos no nosso intestino, a mais importante delas é a nossa alimentação."
"O estudo faz associações interessantes, a questão é, como transformá-lo em orientação válida para o público em geral?"
O conselho de Tedstone, embora não seja novidade para ninguém, é irrefutável: Siga "uma dieta saudável e equilibrada" e faça bastante atividade.

segunda-feira, 28 de abril de 2014

EUA lançam cadastro para 'vítimas' da Telexfree.

EUA lançam cadastro para 'vítimas' da Telexfree

Formulário, em inglês, pergunta valor investido e número de pacotes vendidos.
Telexfree é pirâmide e arrecadou US$ 1,2 bi no mundo, dizem autoridades.

Do G1

A Secretaria de Estado de Massachusetts, nos EUA, criou um cadastro para recolher informações de "vítimas" que investiram na Telexfree, acusada pelas autoridades norte-americanas de promover um esquema de pirâmide financeira.
O formulário, em inglês, está disponível no site da secretaria e pede a identificação do participante, a quantidade investida no negócio, o número de pacotes VoIP vendidos e informações sobre quem os convidou para participar da Telexfree.
Não está claro no site se o cadastro está aberto a brasileiros. O G1 entrou em contato com a secretaria de estado de Massachusetts, mas não obteve resposta até a última atualização desta reportagem.
Segundo aviso do site, um investigador irá entrar em contato com as vítimas após a revisão do cadastro.


Bens congelados

A Justiça dos Estados Unidos determinou, na semana passada, o congelamento dos bens do grupo Telexfree. O pedido foi feito pela Securities and Exchange Commission (SEC), órgão equivalente à Comissão de Valores Mobiliários (CVM) brasileira, para evitar a perda de recursos de investidores.
Antes disso, a Secretaria de Estado de Massachusetts divulgou relatório de uma investigação que concluiu que a Telexfree é uma pirâmide financeira que arrecadou cerca de US$ 1,2 bilhão em todo o mundo. Na denúncia, as autoridades norte-americanas pediram o fim das atividades da empresa, a devolução dos lucros e o ressarcimento das perdas causadas aos investidores, chamados de "divulgadores".
O grupo Telexfree anunciou ter ingressado com um pedido de concordata no Tribunal de Falências do Distrito de Nevada, numa tentativa de reorganizar os negócios da empresa e garantir a continuidade das atividades.
As atividades da empresa no Brasil estão suspensas desde junho de 2013, por determinação da Justiça do Acre, por suspeita de pirâmide financeira. Em fevereiro, a Telexfree teve negado pela segunda vez seu pedido de recuperação judicial no Brasil.

Mulher tenta evitar acidente e sobe com veículo em cima de carro em Divinópolis, MG.

Mulher tenta evitar acidente e sobe com veículo em cima de carro em MG

Ela se assustou com veículo vindo em sentido contrário, diz PM.
Ela não foi enquadrada em nenhuma infração de trânsito.

Anna Lúcia Silva Do G1

Mulher sobe em cima de carro durante manobra para estacionar em Divinópolis (Foto: Edson Coelho/Arquivo Pessoal) 
Mulher subiu com veículo em cima de carro no Centro da cidade 
(Foto: Edson Coelho/Arquivo Pessoal)


A Polícia Militar (PM) registrou uma ocorrência curiosa neste domingo (27) em Divinópolis. Uma mulher de 31 anos subiu com o veículo em cima de outro na Avenida Antônio Olímpio de Morais, quando tentou desviar de um outro carro que seguia no sentido contrário. "Ela contou que se assustou e jogou o carro para a direita para tentar evitar um acidente e acabou subindo em cima do veículo já estacionado", explicou o capitão da Polícia Militar, Marco Paulo Gontijo.
A foto foi tirada pelo autônomo Edson Coelho, que passava pelo local. “Quando fiz a foto a motorista havia acabado de descer do veículo. Achei muito engraçado, pois é um carro bem pequeno, se fosse um caminhão a coisa poderia ter sido pior”, disse.
O incidente ocorreu na Avenida Antônio Olímpio de Moraes, esquina com a Rua João Notine, no Centro da cidade. A mulher não foi enquadrada em nenhuma infração de trânsito, segundo os militares. "Foi um fato inusitado, não cabia autuação", comentou Marco Paulo.

Efeito George: roupinhas usadas por bebê real viram febre e somem das lojas.

Efeito George: roupinhas usadas por bebê real viram febre e somem das lojas

Look usado na chegada a Sidney tem fila de espera de até dois meses

O Globo
 
Ícone de estilo baby: look esgotado AFP
ícone de estilo baby: look esgotado Foto: AFPO pequeno George pode não parecer fisicamente com a mãe, mas com certeza já é igualzinho a Kate Middleton quando se fala no poder em influenciar a moda britânica. Os looks usados pelo bebê durante a viagem oficial da família para a Nova Zelândia e Austrália esgotaram em tempo recorde e algumas peças já tem fila de espera que pode demorar até dois meses, segundo informações do jornal britânico "Daily Mail". Exemplo? O macacão usado na chegada a Sidney, no dia 16 de abril.
"Toda mãe, especialmente as britânicas, sonha em vestir suas crianças como o bebê real", disse Christine Innamorato, diretora-criativa da grife infantil Bonpoint, ao "New York Times". "Ele pode ter apenas nove meses, mas o príncipe George lança tendências, igual a mãe".
A estilista Rachel Riley, uma inglesa que vende suas criações em Londres e nas luxuosas lojas de departamento americanas Barneys e Bergdorf Goodman viu sua vida mudar quando George apareceu brincando na Nova Zelândia com sua roupinha estilo marinheiro.
"Foi um dividor de águas", disse ela ao "New York Times". "Gosto de vestir meus filhos e as crianças dos nossos clientes. Mas se você me perguntar se há uma criança que eu gostaria de vestir, com certeza seria o herdeiro do trono".
Resultado? É difícil achar essa roupinha, que custava 77 libras (cerca de R$ 290).
"Esgotaram em poucas horas", disse ela, que fez questão de postar os looks usados por George no Instagram de sua marca.
Os acessórios do bebê também têm sido vendidos como água. A mochila infantil de canguru, presente dado pela Australian Koala Foundation, esgotou em horas, e a empresa fornecedora já trabalha para repor as unidades imediatamente, segundo informações de Deborah Tabart, CEO da fundação.

Última carta de passageiras do Titanic é vendida por 119 mil libras.

Última carta de passageiras do Titanic é vendida por 119 mil libras

 

 
(Foto: AP) 


Uma carta de uma passageira do Titanic, escrita poucas horas antes de o navio atingir um iceberg e afundar em sua viagem inaugural, foi vendida em um leilão por 119 mil libras esterlinas neste sábado.
Ela foi escrita pelas sobreviventes britânicas Esther Hart e sua filha de sete anos, Eva, que viajavam na segunda classe a caminho do Canadá e de uma nova vida.
A casa de leilões Henry Aldridge and Son disse acreditar que o preço é um recorde para uma carta do Titanic.
"Houve muito interesse", declarou um porta-voz. "Vendemos outras cartas do Titanic, mas nenhuma alcançou um preço como esta".
O Titanic naufragou na noite de 14 de abril de 1912, um domingo, no quinto dia de sua primeira e única viagem de Southampton a Nova York.
Mais de 1.500 passageiros e tripulantes perderam a vida na tragédia, incluindo Benjamin, marido de Hart.
A carta, escrita em um papel especial com o cabeçalho "A Bordo do RMS ‘Titanic'" e com um envelope com a bandeira da linha White Star em alto relevo, deveria ser entregue à mãe de Hart em Chadwell Heath, no leste de Londres.
Ela conta como Esther estava sentindo enjoo e frio na travessia.
"Minhas queridas todas", diz. "Como podem ver, é domingo de tarde e estamos descansando na biblioteca depois do almoço. Passei mal o dia todo, ontem não consegui comer nem beber, enjoada o tempo inteiro, mas hoje me recuperei."
"Os marinheiros dizem que tivemos uma travessia maravilhosa até agora. Não houve tempestade, mas Deus é quem sabe como deve ser quando vem uma. O tempo está ótimo, mas terrivelmente frio e ventoso."
Ela acrescenta: "Eles dizem que podemos chegar a Nova York na noite de terça-feira, mas na verdade deve ser na manhã de quarta. Escreverei assim que chegarmos lá."
A carta, com uma saudação alegre da jovem Eva no final, sobreviveu porque estava no bolso do casaco de seu marido, que ele tinha dado à esposa para mantê-la aquecida enquanto o navio era esvaziado.
Esther e Eva, que mais tarde rememoraram os eventos das últimas horas do transatlântico em sua biografia "Sombra do Titanic", foram resgatadas pelo HMS Carpathia.
(Por Stephen Addison)

Beijinho no ombro para o racismo !

Beijinho no ombro para o racismo


Daniel Alves deu uma bela resposta para torcedores racistas neste domingo. Na vitória de virada do Barcelona por 3 a 2 sobre o Villarreal, uma banana foi arremessada no brasileiro no momento em que ele iria cobrar um escanteio. O lateral não se intimidou, descascou e comeu a fruta. Em seguida, cobrou o escanteio. O árbitro David Fernández relatou o caso na súmula da partida. Veja a atitude de Daniel Alves no vídeo acima.

Em entrevista ao jornal "Marca", o lateral desabafou:

- Tem que ser assim! Não vamos mudar. Há 11 anos convivo com a mesma coisa na Espanha. Temos que rir desses retardados.

O brasileiro utilizou as redes sociais para brincar com a situação:

- Meu pai sempre me falava: filho, coma banana para evitar câimbra, como adivinharam isso?

Neymar e filho com banana contra racismo


Fora do jogo por conta de uma contusão, Neymar manifestou apoio ao amigo de clube e de seleção brasileira:
- Toma, bando de racistas. Somos todos macacos, e daí? É uma vergonha que em 2014 exista preconceito. Está na hora da gente dar um chega nisso! A forma de me expressar para ajudar que um dia isso acabe de uma vez por todas é fazer como o Daniel Alves fez. Se você pensa assim também, tire uma foto comendo uma banana e vamos usar o que eles têm contra a gente a nosso favor - publicou o camisa 11 nas redes sociais.

Daniel também foi bem na partida. Ele participou de dois dos três gols do Barcelona no jogo deste domingo no El Madrigal.

Algumas celebridades brasileiras também mostraram apoio ao jogador através das redes sociais. O casal de apresentadores Angélica e Luciano Huck publicou uma imagem nas redes sociais com bananas.

- Tamo junto, Daniel Alves - escreveu Huck.

Luciano Huck e Angelica apoiam Daniel Alves, banana, racismo


A atriz Thaíssa Carvalho, namorada do jogador, também se manifestou.

- Admirável como sempre. Orgulho. Porém, é muito triste ver que nos dias de hoje isso ainda acontece.
Thaíssa Carvalho, namorada de Daniel Alves, e família, apoiam o jogador, banana, racismo



Amigos e familiares de Daniel Alves e Neymar criaram uma campanha nas redes sociais contra o racismo pedindo para que os fãs do lateral publiquem fotos com bananas.

Campanha Somos Todos Macacos, Daniel Alves, Racismo


 

Metade dos hipertensos desconhece que tem o problema.

Metade dos hipertensos desconhece que tem o problema

Dado é da Sociedade Brasileira de Hipertensão, que lançou campanha para alertar sobre a importância de medir a própria pressão arterial

Hipertensão: controlar a pressão arterial ajuda a evitar problemas como ataque cardíaco e AVC
Hipertensão: controlar a pressão arterial ajuda a evitar problemas como ataque cardíaco e AVC (Thinkstock)

 
A hipertensão atinge cerca de 30% da população brasileira — em idosos, essa prevalência chega a ser de 50% e, em crianças e adolescentes, de 5%. Estima-se, no entanto, que metade dessas pessoas desconhece ter o problema — e, entre aquelas que sabem, apenas um quarto segue corretamente o tratamento.
Esses dados são da Sociedade Brasileira de Hipertensão, que lançou nesta semana, junto ao Departamento de Hipertensão Arterial da Sociedade Brasileira de Cardiologia, a campanha "Conheça a sua pressão arterial!". O objetivo é alertar a população sobre a importância de conhecer e entender os valores da própria pressão arterial.

Os especialistas ressaltam que essa informação pode fazer com que mais pessoas com pressão alta recebam tratamento adequado e se protejam de uma série de doenças. De acordo com a Sociedade Brasileira de Hipertensão, 80% dos derrames cerebrais, 40% dos infartos e 25% dos casos de insuficiência renal terminal são causados pela pressão arterial alta. A Organização Mundial da Saúde (OMS) estima de o problema seja responsável por 7 milhões de mortes no mundo anualmente.


Ações

A Sociedade Brasileira de Hipertensão vai realizar neste sábado, Dia Nacional de Prevenção e Combate à Hipertensão, uma série de atividades relacionadas ao tema da campanha. Um evento gratuito no Parque Villa Lobos, na Zona Oeste de São Paulo, vai medir a pressão arterial e realizar teste de glicemia na população.

Marcha das Vadias protesta contra violência sexual.

Marcha das Vadias protesta contra violência sexual em Porto Alegre

Evento contou com entre 600 e 1 mil pessoas, estima a Brigada Militar.
Ato teve início na Redenção, e não foram registradas ocorrências graves.

Gabriel Galli Do G1


Entre 600 e 1 mil pessoas participaram do ato em Porto Alegre (Foto: Cau Guebo/Futura Press/Estadão Conteúdo) 
Entre 600 e 1 mil pessoas participaram do ato em Porto Alegre 
(Foto: Cau Guebo/Futura Press/Estadão Conteúdo)
 
 
Entre 600 e 1 mil pessoas participaram na tarde deste domingo (27) da Marcha das Vadias em Porto Alegre, conforme estimativa da Brigada Militar. Foi a quarta edição do ato na capital gaúcha. O objetivo era protestar contra a violência contra a mulher. Não foram registradas ocorrências graves.

Grupo queima garrafas e um tapete na Loureiro
da Silva (Foto: Gabriel Galli/G1)
Grupo queima garrafas e um tapete na Avenida Loureiro da Silva (Foto: Gabriel Galli/G1) O ato teve início por volta das 16h no Parque da Redenção, na Região Central de Porto Alegre. O grupo percorreu a Avenida João Pessoa até chegar ao Colégio Júlio de Castilhos. Depois, parte dos manifestantes foi até a frente da Delegacia da Mulher, e a outra se dirgiu até o bairro Cidade Baixa, na Região Central.

Um grupo chegou a trancar o trânsito na Avenida Loureiro da Silva, no bairro Cidade Baixa, após protestar em frente a um bar. Alguns motoristas reclamaram. Mais tarde, manifestantes queimaram alguns materiais, como garrafas e um tapete, no meio da rua.

Mulheres se manifestam na Região Central de Porto Alegre (Foto: Cau Guebo/Futura Press/Estadão Conteúdo) 
Mulheres se manifestam na Região Central de Porto Alegre 
(Foto: Cau Guebo/Futura Press/Estadão Conteúdo)

domingo, 27 de abril de 2014

Homem decepa vítima com motosserra na BR-381, em Itaguara - MG.

Homem decepa vítima com motosserra na BR-381, em Itaguara - MG

Segundo a PM, a vítima foi escolhida aleatoriamente. O autor alega querer se vingar por ter sido violentado quando criança.

Estado de Minas
 
A motosserra utilizada no crime foi deixada no local antes do autor fugir.
 
Um homem de 28 anos foi preso por matar uma pessoa com uma motosserra em Itaguara, região Central do estado, na tarde deste sábado. O crime aconteceu em frente a boate do Zeti, em um ponto de parada do Km 566 da BR-381, no sentido São Paulo. Segundo informações do 7º Pelotão da PM, o autor chegou de motocicleta, ligou a motosserra e atacou um homem, sem motivo aparente.

Segundo testemunhas, a escolha da vítima foi aleatória. Nivair Geraldo da Silva, de 28 anos, escolheu um homem, ligou o equipamento e feriu a vítima, ainda não identificada, no braço. O homem fugiu e foi perseguido pelo autor. Nivair alcançou sua vítima e continuou investindo com a motosserra contra o homem, que teve o braço completamente decepado. A vítima também teve coluna vertebral e pulmão expostos após ter sido atingido nas costas e pescoço.

Segundo os militares, o autor demonstrava sinais de algum tipo de distúrbio. Apesar disso, a Polícia Militar não fala em surto psicótico. “Ele disse que foi estuprado quando tinha 10 anos e é revoltado com isso. A única coisa que podemos dizer é que ele não estava em um estado normal”, informou o soldado Daniel.

Nivair ainda disse à PM que desde 2004 tentava comprar uma arma, com o propósito de cometer assassinatos, mas nunca conseguiu. O autor foi encontrado em uma estrada de terra próxima ao local do crime. Ele estava agitado, mas não resistiu à prisão. Ele foi levado para o quartel da PM para evitar linchamentos pelas testemunhas.  
Fonte: Destaknews

Vírus já matou 10% dos porcos dos Estados Unidos.

Vírus já matou 10% dos porcos dos Estados Unidos

Doença se espalha rapidamente entre leitões recém-nascidos. Mortes foram registradas no México e Japão

Vírus já provocou a morte de 10% dos porcos dos Estados Unidos
Vírus já provocou a morte de 10% dos porcos dos Estados Unidos (Fabrice Coffrini/AFP)

 
Desde junho de 2013, pelo menos 10% dos 7 milhões de porcos criados nos Estados Unidos morreram vítimas de um vírus conhecido como Vírus Suíno de Diarreia Epidêmica (PEDV, na sigla em inglês).
Tudo indica que o microorganismo foi trazido da China. A cepa encontrada nos Estados Unidos é 99,4% similar àquela que atingiu rebanhos chineses pela primeira vez em 2010, matando 1 milhão de leitões (segundo as estatísticas oficiais da China). Nos últimos anos, surtos mais leves  foram tambémregistrados na Europa, no Japão, no México e em partes da América do Sul. Não há registro de incidência da doença no Brasil. 
O PEDv foi diagnosticada pela primeira vez nos Estados Unidos em Ohio, em maio do ano passado. Em menos de um ano, a doença se espalhou por trinta Estados. Frigoríficos americanos apontam que neste período a produção de carne suína no país diminuiu 2%. 
Se o PEDv se espalhar pelo Canadá e pelo México no ritmo visto nos Estados Unidos, o abate de suínos na América do Norte poderá diminuir em cerca de 18,5 milhões de porcos ao longo de 2014 e 2015, ou 12,5% em relação aos níveis de 2013. Estima-se que a produção de suínos nos Estados Unidos caia de 6% a 7% nesta temporada — a maior queda em trinta anos.
A maioria dos agricultores e pesquisadores acreditam que o vírus letal é transmitida de um porco para outro pelo contato com dejetos. 
Na semana passada, o Departamento Nacional de Agricultura determinou que novos casos de contaminação fossem notificados. Assim, será possível quantificar com precisão as mortes e a velocidade com que a doença se espalha. Especialistas em criação apontam que uma quantidade pequena de restos fecais infectados com o vírus pode ser suficiente para afetar todo o rebanho. 
Os animais mais atingidos e com maior índice de letalidade são porcos recém-nascidos, com idade inferior a 21 dias. A agência controladora de corte e carne suína estima ter gasto 1,7 milhões de dólares com pesquisas relacionadas ao vírus.  Até o momento, nenhuma vacina desenvolvida foi capaz de proteger completamente os porcos da doença. O vírus impede que os leitões recém-nascidos absorvam nutrientes da ração, comida ou água. Com diarreia, eles morrem de desidratação. 
Um terço dos 3.000 fazendas de suínos da Carolina do Norte, principal Estado produtor de carne de porco, foram infectadas pelo vírus.
Segundo as autoridades sanitárias americanas, a carne dos suínos infectados pelo PEDv é segura para o consumo humano. Nas cepas conhecidas, ele não apresenta nenhum risco à saúde dos humanos ou de outros animais.
(Com AFP)

Mulher bate carro e morre, após postar selfie.

Mulher bate carro e morre, após postar selfie

Fato retomou as discussões sobre os cuidados ao volante
 

Courtney Sanford bateu carro e morreu, 
após selfie Reprodução/Facebook
Courtney Sanford bateu carro e morreu, após selfie / Reprodução/FacebookNão é de hoje que uma das regras principais do trânsito é manter a atenção 100% na direção do carro.

Um caso na Carolina do Norte assustou a população americana e retomou a discussão sobre os cuidados ao volante. A americana Courtney Sanford, de 32 anos, bateu seu automóvel e morreu logo após publicar uma foto selfie no Facebook com a frase “A canção Happy me faz feliz”.

Quem confirmou o motivo do acidente foi a equipe de autoridades locais. Segundo os oficiais, o serviço de emergência 911 recebeu a chamada de socorro um minuto após a publicação na rede social.

O carro atravessou o canteiro central de uma estrada movimentada e atingiu um caminhão de lixo. Courtney bateu a cabeça e morreu na hora.

Mãe morre após interromper quimioterapia para salvar bebê.

Mãe morre após interromper quimioterapia para salvar bebê

Menino nasceu com seis meses e está na UTI pediátrica de Araraquara.
Amigos fazem campanha na internet para ajudar em tratamento médico.

Do G1 

Grávida decide interromper tratamento de saúde para continuar gestação (Foto: Su Casuscelli) 
Sonho de Patrícia era se casar, o que aconteceu depois que soube da gravidez 
(Foto: Su Casuscelli)
 
Durante o tratamento de um câncer de mama, a funcionária pública de Araraquara (SP) Patrícia Alves Cabrera, de 27 anos, descobriu que estava grávida. Após orientações dos médicos, ela decidiu abandonar a quimioterapia para tentar salvar o filho e apenas monitorar a doença. Entretanto, no dia 14 de abril, ela piorou e foi realizada uma cesariana de emergência. O bebê nasceu com 6 meses e está internado na UTI Neonatal, mas a mãe não resistiu e morreu uma semana depois. Amigos e familiares criaram uma campanha para ajudar a família, que não tem condições de arcar com as despesas médicas, cerca de R$ 30 mil por semana.
Patrícia descobriu a doença durante um autoexame em 2012 e procurou um médico, que diagnosticou o câncer de mama. Em julho de 2013, conheceu em um barzinho Felipe Cabrera Padovani, que mais tarde seria seu marido. “Uma das vezes em que ela foi lá, trocamos olhares e uma amiga dela colocou um papel no meu bolso com um beijo dela. Aí trocamos telefones, começamos a nos ver e depois a namorar”, conta Padovani, que é garçom no estabelecimento.
O sonho dela era se casar e ter filhos, mas devido à doença, Patrícia tinha perdido as esperanças. "Os médicos já tinham avisado que ela não poderia engravidar", relata o marido. Por isso, quando soube da gravidez, ficou encantada. “Em nenhum momento passou pela cabeça dela interromper a gestação, mesmo com todos os riscos.”
Com a notícia de que um filho chegaria à família, confirmada no dia 23 de dezembro, eles começaram a organizar o casamento, realizado no dia 15 de março. Nesse período, a doença estava estável, e Patrícia passou a ter a gestação monitorada com frequência para tomar providências se houvesse alguma alteração.

Mãe interrompe tratamento contra o câncer e segue gestação em Araraquara (Foto: Su Casuscelli) 
Sem quimioterapia, ela passou a ter gestação e doença monitoradas com frequência 
(Foto: Su Casuscelli)
 
 
Piora

Mesmo com o acompanhamento de médicos particulares e do Programa de Saúde da Mulher de Araraquara e, em Barretos, pelos médicos do Hospital do Câncer, no intervalo de 15 dias Patrícia teve uma piora significativa e foi internada com urgência no Hospital São Paulo.
"O risco e a gravidade eram grandes. Se fosse para a Maternidade Gota de Leite, tinha chance de salvar o bebê, mas não tinha recurso para ela. Na Santa Casa teria recursos para ela, mas não teria nenhum para o bebê. O único hospital aqui que teria chance de atender os dois seria o Hospital São Paulo, que é particular", diz a amiga da família Andrea Ribeiro.
Arthur nasceu com poucas chances de sobreviver. Ele está internado na UTI Neonatal do hospital em Araraquara, e a família tem medo de transferi-lo para uma unidade pública. Patrícia foi transferida para o Hospital do Câncer de Barretos para dar continuidade ao tratamento, mas o fígado também já estava comprometido e ela não resistiu.
Andrea conta que Arthur é muito parecido com a mãe e que está respondendo muito bem ao tratamento. “Ele é um guerreiro, persistente e está se superando igual à mãe dele. Patrícia foi um anjo na terra que veio nos ensinar o que é vontade de viver”, afirma.

Campanha mobiliza internautas pela saúde de
recém-nascido (Foto: Reprodução Facebook)
Campanha mobiliza Araraquara para ajudar tratamento de recém-nascido (Foto: Reprodução Facebook)Campanha

As despesas com o hospital já passam dos R$ 30 mil, e Arthur deve ficar internado na UTI Neonatal por, no mínimo, 60 dias para receber a medicação adequada e se desenvolver, o que custaria quase R$ 290 mil. Como o garçom não tem condições de arcar com esse valor, amigos e familiares lançaram a campanha  “Amigos da Patrícia, Felipe e Arthur” nas redes sociais para arrecadar dinheiro e ajudar a família.
Uma página no Facebook, criada por uma das amigas de Patrícia, já possui mais de 5 mil curtidas e vários compartilhamentos. A intenção é criar meios de arrecadar doações para o tratamento do bebê. "A evolução dele é diária, mas mesmo assim o risco ainda é muito alto. O Arthur hoje é o nosso anjo, o pedacinho dela que ficou para a gente poder lembrar dela com muito carinho e ensinar tudo o que a mãe dele deixou de lição pra gente", diz o pai.
Quem quiser obter mais informações sobre o bebê ou ajudá-lo pode entrar em contato com Felipe Padovani, o pai do Arthur, pelo (16) 99721-6005.

Mãe decide continuar gravidez e morre das complicações de câncer (Foto: Su Casuscelli) 
Mãe decide continuar gravidez e morre das complicações de câncer (Foto: Su Casuscelli)

Morre quinta vítima de incêndio em Barroso, MG.

Morre quinta vítima de incêndio em Barroso, MG

Menina de cinco anos passou por três cirurgias antes de falecer.
Casa pegou fogo nesse sábado (26) e matou crianças da mesma família.

Roberta Oliveira, Talita Camargos e Luiz Felipe Falcão Do G1

Morreu na madrugada deste domingo (27), no Hospital João XXIII, em Belo Horizonte,  a quinta criança vítima de um incêndio em Barroso, no Campo das Vertendes. Segundo a assessoria de imprensa do hospital, a menina de cinco anos chegou com 70% do corpo queimado em estado grave e passou por três cirurgias antes de falecer.  As outras quatro crianças morreram na manhã de sábado (26) e foram enterradas na noite de ontem às 21h30 no cemitério paroquial da cidade. Segundo a funerária, ainda não há informações sobre o horário de velório e sepultamento da garota que morreu hoje. As cinco crianças são da mesma família.
No momento do incêndio, uma adolescente de 17 anos cuidava de cinco crianças dentro da casa. Segundo a Polícia Militar (PM), ela é mãe de um menino de um ano e seis meses que morreu no local e de uma menina de três anos que chegou a ser socorrida, mas morreu a caminho do hospital.
As outras três crianças são filhas da irmã da adolescente, uma costureira de 24 anos que está grávida de nove meses. A costureira perdeu uma menina de dois anos e uma de cinco, além de um menino de um ano e seis meses.
Na hora do incêndio, a mãe das crianças, que está grávida, não estava na casa. Ela passou mal e foi para o Hospital Nossa Senhora do Carmo, em Barroso. Segundo informações do Instituto Macedo Couto, ele foi medicada e em seguida liberada.


Tentativas de socorro

De acordo com a PM de Barroso, o chamado foi feito por volta das 10h, e a corporação tomou as primeiras providências de combate ao incêndio até a chegada dos Bombeiros de Barbacena, cidade vizinha que atende a região. O município de Barroso não tem unidade dos Bombeiros.
Segundo informações do Centro de Operações do Corpo de Bombeiros (Cobom), eles chegaram à casa cerca de 20 minutos depois do acionamento, já que a distância entre uma cidade e outra é de 30 quilômetros.
Ainda conforme o Cobom, quando chegaram à casa, que tem cinco cômodos, os bombeiros se depararam com focos espalhados em todos eles e muita fumaça.

Incêndio casa mata crianças Barroso-MG 1 (Foto: Reprodução/TV Integração) 
Casa com cinco cômodos foi encontrada com vários focos de incêndio 
(Foto: Reprodução/TV Integração)
 
 
Segundo a PM, os vizinhos tentaram socorrer as crianças após a mãe de algumas delas ter saído para pedir ajuda. Um deles inalou fumaça e passou mal, precisando ser atendido pelos bombeiros, mas passa bem.
Incêndio casa mata crianças Barroso-MG 2 (Foto: Reprodução/TV Integração)Criança que foi transferida para Belo Horizonte
morreu (Foto: Reprodução/TV Integração)
 
"Os vizinhos disseram que houve uma explosão, mas ainda não se sabe ao certo. Os moradores ouviram o desespero da mãe e se prontificaram a socorrer, mas foi tudo muito rápido. Eu conversei com um morador que resgatou uma das crianças e ele disse que foi muito difícil. Ele arriscou a própria vida, pois as chamas estavam intensas e havia muita fumaça. Não deu tempo de resgatar as outras, que estavam nos outros quartos", afirmou ao G1 o jornalista Wanderson Nascimento, que foi para o local acompanhar o resgate.

Ao todo, foram enviadas duas unidades de combate à incêndio e uma ambulância para o local.


Investigação

Assim que o Boletim de Ocorrência for concluído será encaminhado para a Polícia Civil de Barroso.
A perícia do Instituto de Criminalística de Polícia Civil de São João del Rei compareceu ao local depois do acionamento.
Ao G1, o setor de perícia informou que ainda não é possível antecipar nenhuma possível causa do incêndio.

Idoso é morto com golpe de canivete no peito em Itapecerica, MG.

Idoso é morto com golpe de canivete no peito em Itapecerica, MG

Suspeito confessou o crime e contou que idoso cantou a mulher dele.
Vítima e possível autor já tinham passagens pela polícia.

Do G1 

Na noite deste sábado (27) um idoso de 60 anos foi morto com um golpe de canivete no lado esquerdo do peito em Itapecerica, de acordo com a Polícia Militar (PM). Ele chegou a ser levado para o hospital da cidade, mas chegou ao local sem vida, conforme informações da assessoria. O crime aconteceu no Bairro Alto Alegre no meio da rua.
Segundo a PM, o suspeito do homicídio, um jovem de 28 anos foi preso em flagrante e confessou o crime. Ainda de acordo com os militares, o possível autor do crime disse que matou a vítima porque ele estava cantando a mulher dele.

 (Foto: Policia Militar) Autor do homicídio, Julio César Almeida de 27 anos, 
(Vulgo Tijolo).

O jovem foi encaminhado para a delegacia de Formiga. Segundo a PM, a vítima e o suspeito têm passagens pela polícia e o idoso já cumpriu pena por estrupo. No entanto, a polícia não soube informar quais por crimes eles foram detidos nem quando o idoso ficou preso e por quanto tempo.