sábado, 29 de março de 2014

Ônibus terão de parar fora de pontos para mulheres a partir de 22h no DF.

Ônibus terão de parar fora de pontos para mulheres a partir de 22h no DF

Medida visa dar segurança a usuárias em horários de menor movimento.
Empresas devem divulgar decisão em local visível no interior dos veículos.

Do G1

 

Os ônibus do Distrito Federal terão de parar a partir desta sexta-feira (28), sempre que solicitado, em locais onde não hajam pontos para o desembarque de mulheres após as 22h. A determinação foi publicada nesta sexta-feira  (28) no Diário Oficial um decreto que obriga motoristas de ônibus a parar os coletivos, sempre que solicitados, em locais onde não hajam pontos para o desembarque de mulheres após as 22h. 
A medida visa dar segurança às mulheres que têm de utilizar o transporte público em horários menos movimentados. De acordo com o decreto, publicado no Diário Oficial do DF desta sexta, as empresas de ônibus deverão divulgar a decisão em um local visível, no interior dos veículos.


Campanha

Na última segunda (24), a Secretaria da Mulher do DF, em parceria com as secretarias de Transporte e de Segurança Pública, lançou a campanha "Assédio sexual no ônibus é crime". O objetivo do programa é conscientizar a sociedade e encorajar mulheres vítimas de abuso a denunciarem os agressores.
Em 2013, o DF registrou 42 denúncias de abuso sexual contra mulheres no interior de ônibus, vans e do Metrô, contra 32 em 2012.
Para a campanha, foram confeccionados três mil cartazes, que serão afixados em toda a frota de ônibus e em todos os terminais rodoviários do DF. O programa também prevê a distribuição gratuita de 20 mil cartilhas com explicações sobre o que é o assédio sexual, as punições previstas e como fazer a denúncia.

Nenhum comentário:

Postar um comentário