quarta-feira, 29 de fevereiro de 2012

Estudo revela novos indícios sobre a ressurreição de Jesus Cristo

Grupo de arqueólogos e especialistas fizeram novas pesquisas e descobertas a partir de um túmulo localizado em Jerusalém há três décadas

29 de fevereiro de 2012 

Efe

Também foi achada uma inscrição grega que faz referência à ressurreição, retratada acima por Coypel - Noel Coypel/ReproduçãoNoel Coypel/Reprodução
 
Também foi achada uma inscrição grega que faz referência à ressurreição, retratada acima por Coypel
Um grupo de arqueólogos e especialistas em assuntos religiosos apresentou em Nova York as conclusões de uma pesquisa que apresenta indícios da ressurreição de Jesus a partir de um túmulo localizado em Jerusalém há três décadas.

"Até agora me parecia impossível que tivessem aparecido túmulos desse tempo com provas confiáveis da ressurreição de Jesus ou com imagens do profeta Jonas, mas essas evidências são claras", afirmou nesta terça-feira à Agência Efe o professor James Tabor, diretor do departamento de estudos religiosos da Universidade da Carolina do Norte, um dos responsáveis pela pesquisa.

O túmulo em questão foi descoberto em 1981 durante as obras de construção de um prédio no bairro de Talpiot, situado a menos de quatro quilômetros da Cidade Antiga de Jerusalém. Um ano antes, neste mesmo lugar, foi encontrado um túmulo que muitos acreditam ser de Jesus e sua família.

Ao lado do professor de Arqueologia Rami Arav, da Universidade de Nebraska, e do cineasta canadense de origem judaica Simcha Jacobovici, Tabor conseguiu uma permissão da Autoridade de Antiguidades de Israel para escavar o local entre 2009 e 2010.

Em uma das ossadas encontradas, que os especialistas situam em torno do ano 60 d.C., é possível ver a imagem de um grande peixe com uma figura humana na boca, que, segundo os pesquisadores, seria uma representação que evoca a passagem bíblica do profeta Jonas.

A pesquisa, realizada com uma equipe de câmeras de alta tecnologia, também descobriu uma inscrição grega que faz referência à ressurreição de Jesus, detalhou à Agência Efe o professor Tabor, que acrescentou que essa prova pode ter sido realizada "por alguns dos primeiros seguidores de Jesus".

"Nossa equipe se aproximou do túmulo com certa incredulidade, mas os indícios que encontramos são tão evidentes que nos obrigaram a revisar todas as nossas presunções anteriores", acrescentou o especialista, que acaba de publicar um livro com todas as conclusões de sua pesquisa, "The Jesus Discovery".

O professor reconhece que suas conclusões são "controversas" e que vão causar certo repúdio entre os "fundamentalistas religiosos", enquanto outros acadêmicos seguirão duvidando das evidências arqueológicas da cristandade.

Anteriormente, essa mesma equipe de pesquisadores participou do documentário "O Túmulo Secreto de Jesus", produzido pelo cineasta James Cameron. Na obra, os arqueólogos encontraram dez caixões que asseguram pertencer a Jesus e sua família, incluindo Virgem Maria, Maria Madalena e um suposto filho de Jesus.

Segundo o documentário, as ossadas encontradas supostamente apresentavam inscrições correspondentes às identidades de Jesus e sua família, o que acaba reforçando a versão apresentada no livro "O Código da Vinci", de Dan Brown, o mesmo que indica que Jesus foi casado com Maria Madalena e que ambos teriam tido um filho juntos.

Enólogo morre ao cair dentro de reservatório de vinho no RS

Homem de 50 anos caiu em reservatório de 12 mil litros de vinho.
Polícia Civl abriu inquérito para apurar as causas do acidente.

Jeronimo Silvello e Cristine Gallisa Da RBS TV
 
Enólogo morre em vinícola em Barra do Ribeiro, RS (Foto: Cristine Gallisa/RBS TV)Perícia investiga causas da morte na vinícola em Barra do Ribeiro, RS (Foto: Cristine Gallisa/RBS TV)
Um enólogo de uma vinícola de Barra do Ribeiro, a 29 quilômetros de Porto Alegre, foi encontrado morto na manhã desta quinta (9) dentro de um reservatório de vinho. De acordo com a polícia, ele perdeu o equilíbrio enquanto trabalhava às margens do reservatório de 12 mil litros. A polícia acredita que foi um acidente de trabalho, já que não há sinal de violência no corpo.
O enólogo tinha 50 anos e era o responsável pela confecção e fermentação dos vinhos da Vinícola Laurentia. A polícia suspeita que o funcionário não estava usando máscara, equipamento obrigatório em locais onde há fermentação de vinho. Cinco mil quilos de uva haviam sido colocados na quarta-feira (8) para a fermentação. A empresa fará uma lavagem em todos os equipamentos. A Polícia Civil abriu um inquérito para apurar as causas do acidente. O corpo já foi encaminhado para autópsia no Departamento Médico Legal (DML).
Em contato com o G1, a gerente da vinícola informou que o proprietário adiantou o retorno de uma viagem para acompanhar as investigações. Ainda não houve manifestação oficial da empresa sobre o ocorrido.

Juiz recorre à Bíblia para negar indenização por espera em banco


LUIZ CARLOS DA CRUZ
COLABORAÇÃO PARA A FOLHA, DE CASCAVEL (PR)

O juiz Rosaldo Elias Pacagnan, do 1º Juizado Especial Cível da Comarca de Cascavel (PR), recorreu à Bíblia e a um personagem de histórias em quadrinhos para rejeitar uma ação movida por um advogado que pretendia ser indenizado pelo banco Bradesco por esperar 38 minutos na fila de atendimento.
"Tudo tem seu tempo determinado", sentenciou o juiz, citando o texto bíblico de Eclesiastes. "Há tempo de nascer e tempo de morrer; tempo de plantar e tempo de colher o que se plantou". Na sentença, o magistrado emendou: "Há tempo de ficar na fila, conforme-se com isso".
Para Pacagnan, "o dano moral não está posto para ser parametrizado pelos dengosos ou hipersensíveis". Ele afirmou isso porque o autor colocou na petição que qualquer ser humano com capacidade de sentir emoção "conseguirá perceber que não estamos diante de mero dissabor do cotidiano" ao se referir à demora do atendimento.
O magistrado reconheceu que a demora causou estresse, perda de tempo, angústia e até ausência para a realização de necessidades básicas, mas afirmou que desde que ele --o próprio juiz-- se "conhece por gente", se considera bem humano e não tem redoma de vidro para protegê-lo. "Aliás, o único sujeito que conheço que anda com essa tal redoma de vidro é o Astronauta, personagem das histórias em quadrinhos do Maurício de Souza; ele sim, não pega fila, pois vive mais no espaço sideral do que na Terra", diz a sentença.
As filas, segundo o juiz, integram o cotidiano e são indesejáveis, porém, toleráveis. "Nem tudo pode ser na hora, pra já, imediatamente, tampouco em cinco ou dez minutos! Nem aqui, nem na China", escreveu.
Pacagnan disse ainda, na sentença, que o Poder Judiciário está sendo entupido "com a mania de judicializar as pequenas banalidades".
LEGISLAÇÃO
No Paraná, a Lei Estadual 13.400/2001 estabelece um limite máximo de 20 minutos para o atendimento em agências bancárias. Nas vésperas e após feriados, o prazo se estende para 30 minutos. A lei também vale para espera em caixas de supermercados.
As denúncias devem ser feitas no Procon e podem render multas que variam de mil a 10 mil UFIRs (Unidade Fiscal de Referência).
O advogado Éden Osmar da Rocha Junior disse que vai recorrer da sentença.
"Apesar de ser um bom juiz, que dá sentenças bem fundamentadas, desta vez ele não foi feliz", disse.

Bisneto da princesa Isabel visita Divinópolis, MG

Durante a estada, a comitiva real defendeu a volta da monarquia no Brasil.
Em seguida, o príncipe real seguiu para Bom Despacho.

Do G1 Triângulo Mineiro

  •  
Dom Bertrand de Orleans e Bragança iniciou visita
pela Catedral (Foto: Reprodução/TV Integração)
Dom Bertrand de Orleans e Bragança iniciou visita pela Catedral (Foto: Reprodução/TV Integração) Pela primeira vez a cidade de Divinópolis, no Centro-Oeste do estado, recebeu a visita do príncipe herdeiro da família real. O príncipe Dom Bertrand de Orleans e Bragança, bisneto da princesa Isabel, esteve na cidade nesta quarta-feira (29). Conforme o protocolo, o primeiro lugar o príncipe visitou uma igreja. Na Catedral do Divino Espírito Santo, Dom Bertrand de Orleans e Bragança comungou e rezou. Na parte da tarde, o Príncipe participou de uma palestra na Federação das Indústrias do Estado de Minas Gerais (Fiemg) em Divinópolis e viajou para Bom Despacho, também no Centro-Oeste.
A missa foi celebrada pelo Bispo da Diocese de Divinópolis, Dom Tarcisio Nascentes. O Bispo pediu atenção das autoridades para o tema da Campanha da Fraternidade de 2012: 'A saúde pública'. Durante toda a celebração, o bisneto da Princesa Isabel ficou ao lado do prefeito e do presidente da Câmara de Vereadores. No discurso, o representante da família real pediu união entre os poderes para promover o desenvolvimento da sociedade.

Segundo o representante do Movimento Monárquico Mineiro, Gilberto Peixoto, esse desenvolvimento só acontecerá se a monarquia voltar a governar o país.
Ideologias e políticas à parte, a visita real foi um presente antecipado pelo centenário de Divinópolis, de acordo com o prefeito Vladmir Azevedo.

terça-feira, 28 de fevereiro de 2012

Comer frutas cítricas pode diminuir risco de derrames em mulheres

Substância muito comum em laranjas pode ser útil no combate a coágulos.
Estudo no Reino Unido analisou a alimentação de 69.622 pessoas.

Do G1, em São Paulo

Frutas cítricas como a laranja podem colaborar na
redução de derrames por coágulos nos vasos
sanguíneos do cérebro. (Foto: reprodução)
laranja300 (Foto: reprodução) Compostos presentes em frutas cítricas podem reduzir o risco de derrames em mulheres, aponta um estudo divulgado em revista da Associação Americana do Coração nesta semana. Conhecidos como flavonoides, são comuns também em vegetais, no vinho tinto e no chocolate amargo.
Os pesquisadores usaram dados colhidos de 69.622 mulheres nos últimos 14 anos no Reino Unido, que relataram o que comiam a cada 4 anos. A equipe de pesquisa analisou seis tipos de flavonoides usados regularmente na dieta de norte-americanos e a relação deles com o risco de isquemias e hemorragias cerebrais.
Quando mulheres consumiam grandes quantidades de frutas cítricas, um tipo de flavonoide presente nos alimentos reduzia em até 19% o risco de derrames provocados por coágulos de sangue -- que entopem os vasos sanguíneos do cérebro.
Este tipo de flavonoide era obtido principalmente de laranja e do suco da fruta (82%). Os cientistas afirmam que a melhor forma de consumir os flavonoides benéficos é por meio das frutas, já que os sucos comerciais possuem muito açúcar.
Estudos anteriores já mostravam a relação entre as frutas cítricas na diminuição do risco de derrames isquêmicos e hemorragia intracraniana.
Na Suécia, uma pesquisa anterior tinha descoberto que o consumo de antioxidantes de frutas e vegetais também levava à redução do risco de derrames em mulheres. Trabalhos também já mostraram os benefícios de frutas como maçãs e pêras para a diminuição nos casos de acidente vascular cerebral.

Pose de Angelina Jolie durante a cerimônia do Oscar vira piada

Ganhador do prêmio de roteiro adaptado imitou atriz ao receber estatueta.
Na internet, perna da mulher de Brad Pitt virou ‘meme’ nesta segunda-feira.

Do G1, em São Paulo

A pose da atriz Angelina Jolie no tapete vermelho e durante a cerimônia do Oscar, no domingo (26), em Los Angeles, não demorou para virar piada. Usando um vestido preto cujo maior destaque era uma fenda que ia até a altura da coxa, a atriz se esforçou para explorar o recurso. Sempre que podia, seja no tapete vermelho ou no palco, Jolie exibia a perna pela fenda. A pose chamou a atenção e, já durante a premiação, a mulher de Brad Pitt foi zombada por um dos ganhadores da estatueta de roteiro adaptado.
Angelina Jolie durante o Oscar 2012 em três momentos (Foto: AFP/AP/AP)Angelina Jolie durante o Oscar 2012 em três momentos, com a mesma pose (Foto: AFP/AP/AP)
Jim Rash imitou a pose da atriz durante o discurso de seu colega Alexander Payne, com quem escreveu "Os descendentes". Rash "é o profeta que anunciou o último meme", definiu o site da revista "Entertainment Weekly".
Após o fim da premiação, brincadeiras com a perna direita da atriz se tornaram um "meme", termo utilizado para identificar um fenômeno que se replica na internet. Foi criado o tumblr Angelinajoelieing, no qual leitores podem enviar fotos emulando a pose de Jolie.
Os vencedores do Oscar de roteiro adaptado (da esq.): Alexander Payne, Nat Faxon e Jim Rash, de 'Os descendentes' (Foto: Reuters/Gary Hershorn ) 
Os vencedores do Oscar de roteiro adaptado (da esq.): Alexander Payne, Nat Faxon e Jim Rash, à direita, imitando Jolie. (Foto: Reuters/Gary Hershorn)
O site Buzzfeed listou fotos nas quais Angelina Jolie aparece sempre da mesma forma. Outra piada relacionada à pose de Jolie leva o nome de legbombing e consiste em aplicar a perna da atriz em fotos variadas, por meio do photoshop. Também foi criado o perfil de Twitter para a perna mais falada do início de semana: Angelina Jolie's Leg.

domingo, 26 de fevereiro de 2012

Homem que engoliu garfo morre após rompimento de pontos cirúrgicos

Ele havia sido operado e liberado do hospital, mas caiu e pontos abriram.
Morte ocorreu na manhã deste sábado, em Bandeirantes, no norte do Paraná.

Fernando Castro Do G1 PR

O homem de 50 anos que foi operado após engolir um garfo morreu na manhã deste sábado (25) em Bandeirantes, no norte do Paraná. A cirurgia de remoção foi realizada com sucesso no dia 17 de fevereiro, e o paciente recebeu alta hospitalar. No entanto, ele teve de ser novamente operado após o rompimento de um dos pontos da cirurgia, e morreu uma hora após o procedimento.
Homem que engoliu garfo morre após rompimento de pontos cirúrgicos (Foto: Reprodução RPC TV)Garfo ficou preso após homem soluçar com objeto na boca (Foto: Reprodução RPC TV)
À época da primeira cirurgia, ele contou aos médicos que tinha crises de soluço crônico e que isso causava coceira na garganta constantemente. “Ele disse que sempre usa o cabo da escova de dentes ou de um garfo para aliviar a coceira. E desta vez, ao elevar o pescoço para cima e tentar coçar, ele engasgou e acabou engolindo o talher de jantar", relatou o cirurgião Júlio Mascarenhas de Souza após a cirurgia.
De acordo com o administrador da Santa Casa de Misericórdia de Bandeirantes, João Carlos, o homem sofreu uma queda no período de recuperação e não informou a ninguém. Passados alguns dias, ele foi a um posto de saúde para fazer um curativo, mas foi encaminhado novamente ao hospital. “Ele ficou internado um dia e operou de novo. Após a cirurgia ele aparentou estar bem, mas no momento seguinte teve uma parada repentina”, contou o administrador.
 

Enfermeira de MG emagrece 41 kg após desistir de cirurgia e remédios

Beatriz Quirino, de 22 anos, tem feito reeducação alimentar e exercícios.
Jovem passou de 106 kg para 65 kg em 6 meses, e ainda quer perder 5 kg.

Luna D'Alama Do G1, em São Paulo

Após anos de tentativas frustradas para emagrecer, que incluíram moderadores de apetite, consultas a nutricionistas, endocrinologistas, psicólogos, médicos ortomoleculares e terapias holísticas, além de exames para fazer uma cirurgia de redução de estômago, a enfermeira Beatriz Quirino, de 22 anos, eliminou 41 kg com reeducação alimentar e exercícios físicos.
“Meus pais sempre foram contra a operação bariátrica, pois conheciam casos de pessoas que tiveram depressão, passavam mal ou vomitavam ao comer. Quem faz tem muita coragem e merece respeito, mas, sem o apoio da minha família, não tive coragem”, conta a mineira de Belo Horizonte.
Beatriz antes e depois (Foto: Arquivo pessoal)Imagem à esquerda mostra Beatriz em junho de 2010, com 99 kg - depois ela ainda ganhou 7 kg - e em janeiro deste ano, com 65 kg, após 6 meses de reeducação alimentar e exercícios (Foto: Arquivo pessoal)
Foi no mesmo mês, em agosto de 2011, que Beatriz aproveitou que uma tia tinha marcado consulta com uma nutróloga, mas não poderia ir, e foi no lugar dela. No entanto, ela não acreditava que conseguiria sair do patamar dos 106 kg.
"Lá, fiz um exame chamado bioimpedância, que mediu a quantidade de ossos, músculos, gordura e água no meu corpo. Tinha 58% de gordura. A conversa durou uma hora e meia e quis 'estrangular' a médica, por tanto terrorismo sobre os malefícios da obesidade”, lembra. Atualmente, seu percentual de gordura está em 39,5%, e quer chegar aos 30% – o normal é entre 18% e 28%.
A nutróloga recomendou um programa alimentar que previa refeições menores e mais frequentes, muitas fibras, água e caminhadas leves. Foi então que a enfermeira trocou os biscoitos recheados, salgadinhos, refrigerante e fast food por frutas, iogurtes, barrinhas de cereais e legumes como brócolis, couve-flor, abóbora e cenoura no vapor, já que não gosta de salada.
“Também diminuí a carne vermelha de sete para uma vez por semana e aumentei a ingestão de água de 200 ml para 1,5 litro por dia. A acne sumiu da minha pele, e o intestino que era preguiçoso e funcionava uma vez por semana, muitas vezes à base de laxante, hoje está bem regulado”, compara Beatriz.
A acne sumiu da minha pele, e o intestino que era preguiçoso (...), hoje está bem regulado"
Beatriz Quirino
Para se manter na linha, a mineira comprou uma bolsa térmica onde coloca tudo o que vai comer durante o período em que estiver fora de casa. Além disso, programa o celular para despertar a cada 2h, para não ficar com a barriga vazia nem sentir fome demais.
Caminhadas e academia
Nos primeiros cinco meses de mudança de hábitos, Beatriz fez apenas um controle alimentar, pois cumpria um plantão de 12h por dia no trabalho e, à noite, estudava para um concurso público. A atividade física, então, ficava restrita a caminhadas de 40 minutos aos finais de semana, em uma praça perto de casa.
Passada essa fase, em janeiro a enfermeira se matriculou na academia, aonde vai de segunda a sexta, durante 1h, e faz exercícios aeróbicos e musculação.
“A diferença de um mês para cá foi gigante. Ganhei fôlego, resistência e posso subir uma escada ou ladeira sem cansar”, diz.
Beatriz carnaval (Foto: Arquivo pessoal)Beatriz realizou um sonho e cortou o cabelo neste
carnaval, após perder 41 kg (Foto: Arquivo pessoal)
Roupas, cabelo e até o pé menores
Ao chegar aos 65 kg em 1,60 m de altura, Beatriz encurtou as roupas e os cabelos, um sonho antigo.
“Sempre quis ter cabelo curto, mas tinha medo de ficar com o rosto muito redondo”, ressalta.
Os vestidos também perderam pano no comprimento e nas laterais: “Antes, eu só usava batas e coisas largas. Passei de uma calça 54 para 42 e de uma blusa GGG para M. Até meu pé diminuiu, porque era inchado. Mudei do número 38 para o 37”, revela.
A enfermeira doou todo o guarda-roupa antigo para instituições de caridade e ainda está comprando peças novas. Vai esperar renovar por completo quando perder mais 5 kg – seu objetivo final.
O único senão da perda de peso foi a flacidez nos braços, abdômen, mamas e parte interna da coxa, que Beatriz pretende um dia corrigir com cirurgia plástica.
Sempre quis ter cabelo curto, mas tinha medo de ficar com o rosto muito redondo"
Beatriz Quirino
Vida nova
A reeducação da enfermeira mudou por completo a forma como ela vê os alimentos. “Sempre idolatrei a comida, achava a coisa mais gostosa do mundo. Minhas recompensas por notas boas na escola ou favores aos meus pais sempre eram com isso”, conta.
Ela agora não perde mais oportunidades como acontecia na infância e na adolescência, como a vez em que deixou de ir a uma viagem com a turma do ensino médio por vergonha de usar roupa de banho.
Além da transformação física, as pessoas perceberam uma melhora no humor de Beatriz. “Estou mais tranquila, engraçada. Sempre fui extrovertida, mas sentia vergonha de me aproximar de pessoas estranhas. Ganhei autoconfiança”, destaca.
Beatriz antes e depois 2 (Foto: Arquivo pessoal)Beatriz e Wander juntos em agosto de 2011e, à direita, na virada do ano (Foto: Arquivo pessoal)
O sentimento de inferioridade e desvantagem em relação aos outros acabou, e o apoio da família e do namorado, Wander – que está com Beatriz há dois anos e meio –, foi fundamental nesse processo.
“Todo obeso é uma bomba prestes a explodir. Meu pai é hipertenso, meu avô diabético e há vários casos de problema de peso na minha família. Hoje, tenho orgulho das minhas fotos e quero incentivar todos gordinhos do Brasil a saber que sempre tem uma saída. Apesar de podermos ser lindos independentemente do peso, a saúde tem que estar em primeiro lugar”, completa.

sexta-feira, 24 de fevereiro de 2012

Receita libera hoje o programa do Imposto de Renda



A Receita Federal deve liberar o programa de computador para o preenchimento da declaração do Imposto de Renda às 8h desta sexta-feira, na página da Receita Federal na internet.
Para ter direito à restituição nos primeiros lotes, os declarantes devem preencher e enviar o formulário eletrônico logo no início do prazo.
Receita anuncia mudanças na emissão de boletos para IR devido
Receita estuda disponibilizar programa do IR em tablets
As pessoas com idade acima de 65 anos têm prioridade. A regra não vale se forem constatadas inconsistências ou pendências na declaração.
Se der certo este ano, a Receita Federal pretende liberar o programa gerador da declaração antes do prazo nos próximos anos para facilitar o preenchimento pelo contribuinte. Segundo o supervisor do Programa do Imposto de Renda, Joaquim Adir, com a antecipação, o contribuinte poderá fazer a declaração com tranquilidade e se familiarizar com o aplicativo.
As pessoas físicas que preencherem a declaração logo no início, terão, no entanto, que esperar até março para enviar o documento. O prazo para entrega do documento será de 1º de março a 30 de abril pela internet ou em disquetes nas agências da Caixa Econômica Federal ou do Banco do Brasil.

Editoria de Arte/Folhapress
A Receita informou ainda que o prazo para as empresas entregarem a declaração com a relação de rendimentos pagos aos trabalhadores (o total do recolhimento em impostos e os descontos) termina no dia 29 de fevereiro.
A Receita espera receber este ano mais de 25 milhões de declarações. Segundo Joaquim Adir, além da recomposição salarial, houve o ingresso de trabalhadores no mercado de trabalho. Em 2011, foram enviados 24,37 milhões de documentos.
As regras para a Declaração do Imposto de Renda 2012 foram publicadas no início de fevereiro no Diário Oficial da União.
A declaração pode ser preenchida de forma rápida e simples desde que se tenha todas as informações necessárias, mas o contribuinte deve ter cuidado, porque a omissão de informações e a inconsistência nos dados podem levar a declaração à malha fina.
Outro prejuízo para o contribuinte é que o cálculo da restituição pode não ser feito corretamente.

quinta-feira, 23 de fevereiro de 2012

Horário de verão termina no próximo domingo


Após quatro meses em vigência, o horário de verão terminará no próximo domingo (26). Os brasileiros que moram nas regiões Centro-Oeste, Sul e Sudeste do Brasil, além do Estado da Bahia, terão que atrasar o relógio em uma hora.
O horário é adotado no país com o objetivo principal de aliviar as redes de transmissão de energia nos períodos do dia em que o consumo é mais intenso.
Na última vez em que foi adotado, no entanto, o resultado da medida foi inferior ao esperado pelo setor elétrico e em relação à edição anterior. A redução de demanda na última edição foi de 4,4%. No ano anterior, a economia foi maior, de 4,7%.
Desde 2008, um decreto presidencial estabelece datas fixas para o início e término do horário de verão. Antes, anualmente, era publicado um decreto para definir o período da mudança.
De acordo com o decreto, a mudança no horário ocorre, todos os anos, entre o terceiro domingo de outubro e o terceiro domingo de fevereiro. Se a data coincidir com o domingo de Carnaval --como ocorre neste ano--, o final do horário de verão é transferido para o próximo domingo.

quarta-feira, 22 de fevereiro de 2012

Cientistas descobrem novo planeta composto por água a 40 anos-luz

Além de 'enorme fração da massa' formada por água, ele tem leve atmosfera.
É considerado uma 'super-Terra' e foi encontrado pelo telescópio Hubble.

Da France Presse

Um grupo de astrônomos descobriu a existência de um novo tipo de planeta, composto em sua maior parte de água e com uma leve atmosfera de vapor. A informação foi divulgada nesta terça-feira (21) pelo Centro de Astrofísica Harvard-Smithsonian (em Cambridge, nordeste dos Estados Unidos) e pela Nasa.
Trata-se de um planeta fora de nosso sistema solar denominado "GJ1214b", descoberto em 2009 graças ao telescópio espacial Hubble da Nasa. Segundo estudos recentes de um grupo de astrônomos, ele tem "uma enorme fração de sua massa" composta de água.
Imagem divulgada pela Nasa mostra o planeta orbitando uma estrela vermelha há 40 anos-luz da Terra.  (Foto: AFP Photo / Nasa / ESA / D.Aguilar)Imagem divulgada pela Nasa mostra o planeta orbitando uma estrela vermelha há 40 anos-luz da Terra. (Foto: AFP Photo / Nasa / ESA / D.Aguilar)
Em nosso sistema solar existem três tipos de planetas: rochosos e terrestres (Mercúrio, Vênus, a Terra e Marte), gigantes gasosos (Júpiter e Saturno) e gigantes de gelo (Urano e Netuno).
Por outro lado, existem planetas variados que orbitam em torno de estrelas distantes, entre os quais há mundos de lava e "Júpiteres" quentes.
"Observações do telescópio espacial Hubble da Nasa acrescentaram este novo tipo de planeta", ressaltou comunicado conjunto do Centro de Astrofísica Harvard-Smithsonian e da Nasa. Os estudos foram realizados pelo astrônomo Zachory Berta e por um grupo de colegas.
Características
O "GJ1214b", situado a 40 anos luz da Terra, é considerado uma "super-Terra", com 2,7 vezes o comprimento de nosso planeta e sete vezes seu peso.
Ele orbita a cada 38 horas ao redor de uma estrela vermelha anã e possui temperatura estimada de 450 graus Fahrenheit (232 graus celsius).
Em 2010, um grupo de cientistas liderado por Jacob Bean havia indicado que a atmosfera de "GJ1214b" deveria ser composta em sua maior parte por água, depois de medir sua temperatura.
No entanto, as observações também podem ter sido feitas em razão da presença de uma nuvem que envolve totalmente o planeta.
As medições e observações efetuadas por Berta e por seus colegas quando o "GJ1214b" passava diante de seu sol permitiram comprovar que a luz da estrela era filtrada através da atmosfera do planeta, exibindo um conjunto de gases.
O equipamento do Hubble permitiu distinguir uma atmosfera de vapor. Depois, os astrônomos conseguiram calcular a densidade do planeta a partir de sua massa e tamanho, comprovando que ele tem "muito mais água do que a Terra e muito menos rocha".

Empresa recicla implantes de metal tirados de corpos cremados na Holanda

Fundador da OrthoMetals diz reciclar de tudo, de pinos de aço a quadris de titânio e joelhos de cromo.

Da BBC


Com o aumento na longevidade da população e o progresso de tecnologias associadas à medicina, mais e mais pessoas estão recebendo implantes cirúrgicos antes de morrer. Também há cada vez mais pessoas sendo cremadas, o que resulta em um aumento na quantidade de metais caros presentes entre as cinzas após a cremação. Para onde vai tudo isso?
'Você diz às pessoas o que faz para viver e elas pensam: 'Que estranho!'', disse Ruud Verberne.
Verberne é co-fundador da OrthoMetals, uma empresa que recicla implantes de metal de corpos humanos cremados. Tudo, de pinos de aço a quadris de titânio e joelhos de cromo.
'Alguns metais podem ser separados (das cinzas) com o uso de imãs. O resto tem de ser feito manualmente'.
Empresa holandesa recicla implantes de metal retirados de corpos cremados (Foto: OrthoMetals)Empresa holandesa recicla implantes de metal retirados de corpos cremados (Foto: OrthoMetals)
Estranho - e, para alguns, até macabro -, mas esse filão da indústria de reciclagem está em crescimento.
'Sei da existência de cinco ou seis concorrentes, a maioria deles nos Estados Unidos', disse o empresário, cuja companhia tem sede na cidade holandesa de Zwolle. 'Mas fomos os primeiros'.
Verbenne trabalhou muitos anos fazendo reciclagem de alumínio. Em 1987, conheceu Jan Gabriels, um cirurgião ortopédico. O médico lhe perguntou o que acontecia aos implantes de metal que colocava nos pacientes após eles morrerem.
Verbenne não fazia ideia mas depois de algumas investigações, descobriu que os artefatos eram jogados fora. 'Eles eram simplesmente enterrados', disse.
O valor de implantes recolhidos de um crematório é uma pequena porcentagem do seu valor antes da cirurgia, mas eles são feitos de metais de boa qualidade que vale a pena reciclar.
'A operação para reposição de um quadril pode custar cerca de US$ 8 mil', ele explicou.
'Mas o valor do material usado é talvez, por kilo, cerca de US$ 16. E um kilo equivale a cinco quadris!'
Em 1997, Gabriels e Verberne fundaram a OrthoMetals. Hoje, 15 anos mais tarde, a empresa recicla anualmente mais de 250 toneladas de metal proveniente de crematórios. O material é usado para fabricar carros, aviões e até turbinas eólicas.
A companhia recolhe os implantes de metal gratuitamente. Existe um cuidado especial para assegurar que o produto é derretido e não simplesmente reutilizado.
Causa nobre
Após a dedução dos custos, entre 70 e 75% da renda é devolvida aos crematórios. A ideia é que o dinheiro seja empregado em projetos beneficentes.
'Na Grã-Bretanha por exemplo', ele disse. 'Pedimos cartas das entidades que receberam dinheiro da organização com que trabalhamos no país e vemos que a quantia que transferimos foi destinada à caridade. É um tipo de sistema de controle que temos.'
Henry Keizer administra um fundo beneficente batizado em memória de um holandês cremado em 1913 - Dr Vaillant.
Ele disse que o fundo ajudou crematórios holandeses a distribuir dinheiro recebido da OrthoMetals para auxiliar causas diversas, como pesquisas sobre o câncer ou a manutenção de bibliotecas escolares.
'Eu acho que a reciclagem de implantes e de articulações artificiais é uma ideia excelente', ele diz. 'Agora nós vamos usá-los para bons propósitos, para fundos e para pessoas que fazem atividades sociais que são extremamente importantes.'
Michael Donohue, diretor de uma casa funerária no Estado americano da Pensilvânia, encontrou a OrthoMetals por meio de uma busca no Google, quando a sua empresa construiu recentemente o seu forno crematório.
'Antes que nós realmente começássemos a operar, o nosso maior dilema era: o que vamos fazer com os restos de metal deixados no fim do processo?', diz Donohue.
Agora, os implantes cirúrgicos recuperados vão para a Holanda para serem reciclados.
Donohue diz que sua equipe é franca com os familiares dos mortos sobre isso. 'Nós somos honestos com eles, e dizemos que qualquer dinheiro que nos é dado vai para organizações locais, e eles adoram saber que algo de seus entes queridos está sendo bem aproveitado.'
Relativamente poucas pessoas são cremadas nos EUA, pelos padrões internacionais - a percentagem atualmente está em 40%, embora a tendência seja de alta e haja algumas grandes variações geográficas.
Números recentes mostram Havaí e Nevada perto de 70%, mas o Mississipi tem menos de 10% de cremações. Isto pode ser uma marca de status sócio-econômico, diz Verberne. As estatísticas tendem a mostrar as pessoas mais pobres preferindo enterros.
Na Holanda, terra natal de Verberne, cerca de 57% dos corpos são cremados. A Grã-Bretanha é o maior cremador da Europa, com 73%. E desde que a Igreja Católica flexibilizou a sua oposição à cremação, a empresa cresceu em países como Itália e Espanha. No total, a OrthoMetals opera em 15 países.
Verberne tem algumas ideias sobre por que os índices de cremação estão crescendo em muitas partes do mundo.
'Duas razões são espaço e custo', diz. Um enterro tradicional pode custar quatro vezes mais que uma cremação. E em relação ao espaço, uma pesquisa mostra que 750 enterros ocupam até um acre (cerca de 4 mil metros quadrados) de terra.
Verberne também identifica algumas mudanças culturais. 'Tempos atrás, a família visitaria um túmulo para ver o papai ou a mamãe', diz. 'Hoje, eles espalham as cinzas e estão livres. Eles não querem obrigações.'
Verberne não tem implantes metálicos, mas ele aponta para a mulher de seu sócio, que está ajudando a separar pedaços de metal na usina de reciclagem.
'Ela tem duas próteses de titânio no quadril', ele diz. 'E uma vez perguntaram a ela: 'Não é estranho que você saiba que, um dia, seus quadris vão passar por essa esteira'? Ela disse: 'Não, isso é só parte da vida. Você vai morrer, e eu sei que reutilizar metais é uma coisa muito boa, então não tem nenhum problema', e ela acrescentou: 'O quadril da minha mãe estava aqui também'.'

terça-feira, 21 de fevereiro de 2012

“Pânico” pede liberdade total na Band


Salários em dia, aumento de quase 20%, maior participação em merchandisings do programa. Esses são alguns dos benefícios que seduziram a turma do “Pânico” a trocar Rede TV! por Band, na semana passada.
Mas a trupe de humoristas quer mais. O blog apurou que os integrantes do programa pediram à direção da Band ”liberdade total” em suas piadas. O motivo seria a preocupação com o ocorrido com Rafinha Bastos, no “CQC”, em outubro de 2011. O comediante fora suspenso da atração após uma piada envolvendo Wanessa Camargo. Diante da pressão do marido de Wanessa, o empresário Marcus Buaiz, a direção da emissora não hesitou em afastar Rafinha, que era um dos principais nomes da bancada do “CQC”.
A situação se tornou insustentável e Rafinha acabou deixando o programa e a Band. Agora vai reinar no canal pago FX.
Conhecidos por suas brincadeiras politicamente incorretas, os integrantes do ”Pânico” estavam acostumados a ter liberdade na Rede TV!. O fruto disso é uma série de processos nas costas, envolvendo artistas como Luana Piovani e Carolina Dieckmann.
Mesmo assim, eles continuam invadindo eventos, atormentando famosos e criando inimizades. Essa, por sinal, é a marca registrada da atração.
Será que na Band o “Pânico” terá a mesma liberdade?



Vinte pessoas ficam feridas em ataque de peixes carnívoros no RS

Pelo menos 20 pessoas foram atendidas com cortes nas mãos e nos pés.
Local foi liberado para banho, mas é monitorado por salva-vidas.

Do G1 RS, com informações da RBS TV
9 comentários
Cardume de palometas atacou banhistas no Rio
Toropi (Foto: Reprodução/RBS TV)
Ataque do peixe carnívoro palometa em Santa Maria, RS (Foto: Reprodução/RBS TV)

Vinte banhistas ficaram feridos após serem mordidos por um cardume de palometas (Chloroscombrus chrysurus) neste domingo (19), no Balneário Passo do Angico, em Toropi, na Região Central do Rio Grande do Sul. Segundo os salva-vidas que trabalhavam na área de banho do Rio Toropi, os ataques tiveram início por volta das 16h30. De acordo com o Corpo de Bombeiros, o peixe é carnívoro e tem semelhança com a piranha.

As mais de mil pessoas que se banhavam no local foram orientadas a sair da água, informou a coordenação do balneário. Quem foi atacado sofreu ferimentos leves, como cortes nos dedos dos pés e das mãos. As vítimas foram atendidas no local pelo Corpo de Bombeiros de Toropi e de São Pedro do Sul, que precisou enviar ajuda. O local foi liberado para banho na manhã desta segunda-feira (20), mas está sendo monitorado pelos salva-vidas. Algumas pessoas chegaram a entrar no balneário, e não houve relatos de novos ataques até as 10h30. Os bombeiros acreditam que os peixes atacaram os banhistas devido ao baixo nível da água no balneário e a escassez de alimentos.

segunda-feira, 20 de fevereiro de 2012

Pimenta
Quem coloca a pimenta no dia-a-dia está levando, além de tempero, uma série de medicamentos naturais: analgésico, antiinflamatório, xarope, vitaminas, benefícios que os povos primitivos descobriram há milhares de anos que agora estão sendo comprovados pela ciência.